Milhões de sites saem do ar após incêndio na França

Datacenter da OVHcloud foi totalmente destruído e nenhum dado poderá ser recuperado.

Imagem: Twitter/Reprodução

Na madrugada desta quarta-feira, 10 de março, um incêndio de grandes proporções atingiu um prédio e danificou dois datacenters da empresa de hospedagem francesa OVHcloud.

O caso ocorreu em Estrasburgo, na França, e tirou do ar cerca de 3,6 milhões de sites de 464 mil domínios.

Na lista de sites afetados estão serviços de webmail, bancos e e-commerces.

Segundo a empresa, não foi possível controlar as chamas.

VIU ISSO?

–> Torre de telefonia desaba sobre casa e deixa feridos no Pará

–> Homem morre após cair de torre de telefonia

–> Laboratório de pesquisa 5G da Huawei pega fogo na China

Um dos datacenter foi 100% destruído, enquanto outro vai precisar ser quase totalmente reconstruído.

Outros dois datacenters no local não foram afetados pelo incêndio e devem entrar novamente em operação na próxima semana, retomando os serviços aos poucos.

Ninguém ficou ferido no acidente, entretanto, dados não poderão ser recuperados.

Caso os usuários tenham feito backups, eles podem estar armazenados em outros datacenters da OVHcloud espalhados pela Europa.

A empresa notificou os clientes por e-mail e vem emitindo comunicados à imprensa no site e redes sociais.

A França foi a mais afetada, mas sites de outros países também saíram do ar, como da Polônia e Costa do Marfim.

O site da Agência de Certificação de Veículos do Governo do Reino Unido também ficou temporariamente offline.

Um escritório temporário foi estabelecido e a empresa começou a reservar infraestruturas em outros datacenters para atender os clientes afetados.

A empresa alerta aos usuários que hackers podem tirar proveito do incidente para realizar ações maliciosas, como enviar spam, praticar phishing, fazer solicitações por telefone, enviar links suspeitos, roubar identidades, implantar vírus, entre outros.

“Pedimos sinceras desculpas pelos problemas causados ​​por este incêndio. Continuaremos nos comunicando com a maior transparência sobre a causa do incêndio e suas consequências”, afirmou a empresa em comunicado.

Uma investigação das causas do acidente está em andamento.

Fundada em 1999, a OVHcloud é a maior provedora de serviços em nuvem na Europa, competindo com grandes empresas como Amazon Web Services, Microsoft Azure e Google Cloud.

Com informações de OVH Cloud e Convergência Digital.

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
1 Comentário
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários