InícioEconomia e NegóciosSercomtel anuncia programa de demissão voluntária

Sercomtel anuncia programa de demissão voluntária

Empresa reservou R$ 25 milhões para o pagamento de rescisões.

Após a privatização da companhia, a Sercomtel anunciou um programa de demissão voluntária nesta segunda-feira, 25 de janeiro.

O plano inclui a reserva de R$ 25 milhões para o pagamento de rescisões, remunerações extras e plano de saúde durante oito meses para os funcionários que deixarem a empresa voluntariamente.

Pode aderir ao programa qualquer um dos 450 colaboradores da Sercomtel, independentemente do cargo, estabilidade ou forma de contratação.

Os interessados têm até 2 de fevereiro para aderir ao plano de demissão voluntária.


VIU ISSO?

–> Bordeaux anuncia novo presidente da Sercomtel

–> Anatel aprova privatização da Sercomtel

–> Sercomtel oferece descontos de até 80% em renegociação de dívidas

Não há um número definido de funcionários que deverão participar do programa.

“Isso vai depender dos valores a serem pagos a cada colaborador, já que o plano prevê o pagamento escalonado, de acordo com o tempo de casa e salário que cada um recebe”, explicou o presidente da Sercomtel, Márcio Tiago Arruda.

O executivo argumenta que as demissões são necessárias para que a empresa se torne competitiva e volte a crescer no mercado.

Endividada, a operadora Sercomtel foi vendida no final do ano passado por R$ 130 milhões para o Bordeaux Fundo de Investimentos, em leilão realizado pela Bolsa de Valores de São Paulo.

Com informações de G1.

Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 9 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários