InícioTV por AssinaturaMercado de IPTV pirata tem prejuízo acima de R$ 600 milhões

Mercado de IPTV pirata tem prejuízo acima de R$ 600 milhões

Receita Federal apreendeu aproximadamente 13 mil aparelhos de ‘TV Box’; resultado soma ao trabalho realizado nos últimos meses, que totaliza 900 mil.

Ilustração Pixabay
Imagem: Pixabay

A Receita Federal começou a semana com a apreensão de quase 13 mil aparelhos que viabilizam acesso pirata à canais da TV por assinatura.

Os dispositivos, conhecidos como TV Box, podem tanto permitir a transmissão de emissoras via internet (IPTV) quanto burlar os sinais convencionais de forma ilegal.

Todos os aparelhos foram encontrados no Porto Seco de Nova Iguaçu, no Rio de Janeiro.

Somado ao trabalho realizado nos últimos meses e 2020, a Receita Federal já totaliza 900 mil aparelhos do tipo apreendidos.


VIU ISSO?

–> Usuários de IPTV pirata começam a receber cartas de alerta

–> IPTV da Guigo TV cresceu 832% em 2020

–> Mais de 50 mil usuários perdem IPTV pirata

Só no Rio de Janeiro, foram 800 mil unidades, o que representa um prejuízo de R$ 600 milhões para o crime organizado.

Vale destacar que operações contra pirataria de “conteúdo” são realizadas no mundo inteiro.

Há pouco tempo, noticiamos sobre uma ação em Portugal, na qual os usuários das IPTVs piratas, via aplicativo, começaram a receber cartas.

O comunicado incentivava o desligamento do serviço, caso contrário seriam feitas cobranças de “multas”.

Com informações de Folha Vitória

Anderson Guimarães
Jornalista com seis anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop. E-mail: [email protected]

15 COMENTÁRIOS

Acompanhar esta matéria
Notificação de
15 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários