19/06/2024

Globo deve ter prejuízo de R$ 643 milhões com saída da Libertadores

Encerramento do vínculo entre os dois grupos ainda gera pendências; entenda o imbróglio.

Divulgação Libertadores
Imagem: Divulgação Libertadores

O fim do vínculo entre a Conmebol e TV Globo ainda gera pendências. A emissora recebeu um processo no valor de US$ 120 milhões, na conversão: R$ 653 milhões.

Trata-se de um pedido de indenização pela rescisão do contrato que garantia a transmissão dos jogos da Libertadores para o canal carioca.

As ações legais foram movimentadas contra o Grupo Globo e o streaming DAZN, já que ambas empresas geraram prejuízos ao romperem acordos, segundo Alejandro Dominguez, presidente da Conmebol.

Para o executivo, foram rescisões unilaterais que surtiram o efeito de um golpe nas operações esportivas da entidade.

A Globo desembolsava R$ 60 milhões anuais pelos direitos da Libertadores na TV aberta e fechada. No entanto, a pandemia do novo coronavírus complicou a negociação.

Por parte da emissora, foram feitas tentativas de reduzir os valores, mas sem sucesso. Com isso, o grupo anunciou a rescisão do contrato e justificou que uma cláusula permite o cancelamento em caso de paralisação do campeonato por força maior.

VIU ISSO?

–> Histórico: TV por assinatura vence TV Globo na audiência

–> Globo se manifesta após nova queda de braço com Bolsonaro

–> SKY anuncia mais afiliadas Globo e expansão de cobertura

Entretanto, isso só poderia ter sido feito se a Conmebol fosse culpada pela suspensão atividades, segundo argumenta a entidade.

É provável que a indenização solicitada aumente, já que a Globo não quitou os valores pela temporada de 2020.

Hoje, os direitos da Libertadores estão com o SBT, que levou a melhor na disputa, após novas tentativas de renegociação por parte da emissora carioca.

Com informações de UOL

4 COMENTÁRIOS

Se inscrever
Notificar de
guest
4 Comentários
Mais antigo
Mais recente Mais Votados
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários