Cobrança indevida é o problema mais relatado contra operadoras

Até quando? Novo balanço da Anatel mostra que a queixa foi registrada em todos os segmentos das telecomunicações.

Homem frustrado - Ilustração
Imagem: Flickr

Já se tornou comum ler sobre algum consumidor que teve uma cobrança indevida de sua operadora. De acordo com a Anatel, o problema é ainda mais comum do que podemos imaginar.

No novo balanço da agência, a questão foi a mais relatada em todos os segmentos das telecomunicações: TV por assinatura, telefonia fixa, móvel e banda larga.


Em TV paga, a SKY liderou reclamações, seguida pela Vivo, Oi, Claro net tv e Algar. Já na internet fixa, surpreende perceber que a TIM foi a que mais registrou queixas, visto que sua atuação é menor que as outras.

A SKY surge na sequência, seguida pela Oi, Vivo, Algar, Claro net e Sercomtel. Nas linhas móveis, a operadora da Telefônica tem motivo para comemorar, pois foi a quinta colocada entre as mais reclamadas.

VIU ISSO?

–> Cobrança indevida de operadoras prescreve após dez anos

–> Anatel suspende acompanhamento especial da Oi

–> Claro é condenada a indenizar consumidor por cobrança indevida

Uma informação que surpreende, pois a marca tem a liderança de mercado e, quase sempre, o número de queixas é proporcional.

A Nextel liderou em reclamações e foi acompanhada na sequência por TIM, Oi e Claro.

Entretanto, em todos os segmentos, as “cobranças em desacordo com o contratado” foram os problemas mais relatados por consumidores. Um total de 22.088 reclamações.

Cobranças após cancelamentos e de produtos não contratados também aparecem com frequência.  

São índices que refletem a necessidade de melhores diretrizes nas áreas de vendas das operadoras, assim como uma melhor discriminação de taxas e encargos que acompanham uma contratação.

Com informações de Anatel

COMPARTILHAR EM:

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários