Oi evolui museu das telecomunicações no Rio de Janeiro

Projeto conta com atrações interativas, demonstrações de novas tecnologias e promete uma experiência única para os visitantes.

Divulgação Oi Futuro
Imagem: Divulgação Oi Futuro

Em atividade há 13 anos, o tradicional Museu das Telecomunicações evoluiu para MUSEHUM – Museu das Comunicações e Humanidades. O novo projeto foi aberto ao público na última terça-feira, 21.

A iniciativa é do Instituto Oi Futuro em parceria com o Ministério da Cidadania. Juntas, as duas entidades levantaram um investimento de aproximadamente R$ 3 milhões pela Lei Federal de Incentivo à Cultura.


Roberto Guimarães, gerente executivo de cultura do Oi Futuro, comemora o lançamento e destaca que se trata de uma referência nacional em arte e tecnologia a partir de agora.

A ideia da nova roupagem é contar a história do desenvolvimento tecnológico das comunicações a partir das relações humanas. Todas as instalações foram completamente remodeladas para receber as atrações do MUSEHUM.

VIU ISSO?

–> Oi pode embolsar R$ 8 bilhões até março

–> Escola técnica do Oi Futuro promove portas abertas

–> Oi lança editais para impulsionar projetos de empreendedores

No projeto, passado e futuro se unem para fazer com que o público reflita sobre o impacto das telecomunicações no desenvolvimento da humanidade.

Os visitantes passarão por experiências inéditas como atrações interativas, ambientes imersivos e novas tecnologias como realidade virtual, displays interativos, fotografia digital 3D, monitores de LED com alta definição e outras.

Há também um acervo com mais de 130 mil peças e algumas nunca foram vistas antes pelo público.

Tudo o que já foi apresentado pelo Oi Futuro acompanha a história do setor. Em 1998, nasceu o Museu de Telephone, que cresceu para Telecomunicações e agora ganha uma nova fase.

O Instituto deu um passo à frente para centrar a narrativa nas relações humanas, que norteiam a atuação das comunicações tecnológicas e motivam as conexões de redes.

A localização do espaço fica no bairro do Flamengo, no Rio de Janeiro.

Com informações de OiFuturo.org

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.

Deixe um comentário

Por favor, faça login para comentar
  Acompanhar esta matéria  
Notificação de