80% dos celulares na Espanha serão monitorados

Usuários terão poucas opções para recusar a participação no monitoramento.

Foto: Benjamin Lizardo/Unsplash

O Instituto Nacional de Estatística (INE), da Espanha, fez um acordo com as operadoras Movistar, Orange e Vodafone para colher dados de localização de 43 milhões de celulares do país. A medida polêmica serve para realizar um censo digital inédito da população espanhola.

Entre os meses de novembro de 2019 e agosto de 2020, o governo pretende registrar a movimentação de 80% dos aparelhos móveis do país. A ideia é realizar um estudo detalhado sobre como os cidadãos da Espanha se deslocam em todo o território nacional.


Os dados já coletados servirão, por exemplo, para observar a movimentação da população durante o Natal. Em meados de 2020, o governo poderá detalhar quais são os destinos preferidos dos espanhóis durante as suas férias.

O objetivo principal é melhorar os serviços de transporte em várias localidades da Espanha, principalmente nas regiões menos povoadas.

VIU ISSO?

–> Irã restringe uso de internet antes de possíveis protestos

–> Governo russo pretende desconectar país da internet

–> Reconhecimento de imagens com 5G: segurança versus privacidade?

Apesar de o órgão garantir que o rastreio é anônimo e que a privacidade dos usuários será mantida — cumprindo assim a lei de proteção de dados europeia (GDPR) —, críticos afirmam que a ação serve para inspecionar protestos públicos e questionam a privacidade da população e a forma como os dados são mantidos seguros.

A Vodafone e Orange oferecem aos seus clientes a opção de não repassar suas informações pessoais para o INE. Já a Movistar não oferece nenhum recurso para evitar o monitoramento governamental.

Com informações de Tilt Uol.

A SKY tem o plano ideal para a sua TV! Aproveite já com 50% de desconto no primeiro mês. Ligue 0800 123 2040.

COMPARTILHAR EM:

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários