Telefonia móvel da Oi dispara no Sul do país

No DDD 42, de Ponta Grossa, Guarapuava e Irati, a operadora foi a única com adição de novos clientes.

Ilustração gráfico financeiro
Imagem: Pixabay

Tudo caminha para que a Oi (OIBR3 / OIBR4) se recupere do caixa negativo registrado nos últimos meses. Até mesmo a telefonia móvel da operadora parece estar com bons resultados. No sul do país, por exemplo, a empresa liderou as adições líquidas nos últimos 12 meses.

De acordo com as informações da Anatel, a tele carioca fechou o mês de agosto acima da marca de 3,76 milhões de clientes no Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná. No comparativo anual, é um crescimento de 3,4%.


A grande surpresa é que a Oi foi a única a ter números positivos na telefonia móvel no período de análise. O mercado sofreu um decréscimo de 989 mil clientes, uma redução de aproximadamente 3%.

O investimento destinado pela operadora para a região sul segue a todo vapor. Só no primeiro semestre de 2019, foram aplicados R$ 593 milhões. Em relação ao que foi colocado no ano passado, é um aumento de 51%.

VIU ISSO?

–> Black Friday: Oi oferta plano móvel de 100 GB por R$ 99,90

–> Oi anuncia plano de 16 GB por R$ 59,90 com apps ilimitados

–> Fibra ótica da Oi já está em 76 municípios

No Paraná, a prestadora se destacou. Foram 143 mil novos clientes e um aumento de 13,3% na base. No DDD 42, a Oi ganhou mais 33 mil clientes no período de análise, um aumento de 30% nos últimos 12 meses.

Atualmente, a tele carioca investe em planos que atendam a demanda dos usuários por dados móveis. A atual promoção de Black Friday, por exemplo, oferta 100 GB por R$ 99,90 mensais.

Giovani da Silva, diretor de mercado e varejo da Oi na região sul, atribui o crescimento ao aumento de investimentos e foco disruptivo das novas ofertas oferecidas aos clientes. Ele explica que a empresa está sendo bem-sucedida com os novos pacotes.

O Sul é visto como uma localidade estratégica para a marca. A ideia é expandir nos serviços, lojas, atendimento e vendas.

Com informações de Diário dos Campos

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.

6
Deixe um comentário

Por favor, faça login para comentar
  Acompanhar esta matéria  
o mais novo mais antigo mais votado
Notificação de
Jean Michel Skaleé
Colaborador
Jean Michel Skaleé

Até queria continuar com a Oi mas aguentar ela com 3G e uma única torre em uma cidade de mais de 50 mil habitantes eh complicado. Nos bairros mais afastados do centro fica em emergência.
Não sei ainda como a Oi cresceu tanto aqui no sul.

Cidade - UF
Marechal Candido Rondon -PR
Marcelo Ribeiro
Colaborador

A Oi cresceu nas cidades maiores. Nas regiões metropolitanas onde a fibra avançou o sinal móvel e velocidade aumentaram juntos. A Oi não pode fazer tudo, mas onde investiu, está obtendo retorno e rápido.
Isso é ótimo pois, com dinheiro em caixa, a operadora volta a investir na rede. Ela está investindo primeiro nos lugares rentáveis para depois expandir aos demais.

Cidade - UF
Novo Hamburgo RS
Marcelo Ribeiro
Colaborador

Também pudera. Nas cidades citadas está vigente a promoção de 15 reais por 31 dias.

Cidade - UF
Novo Hamburgo RS
Jefferson
Colaborador
Jefferson

Que matéria tão tendenciosa. Pra efeito de comparação, a Claro há vários meses cresce em disparado em toda a região norte, principalmente nos DDDs 97, 98 e 99, onde entrou por último e já tem a liderança total.
E onde está a matéria sobre isso? Dispense pow

Cidade - UF
Recife - PE
Erick Nilson Silva
Colaborador

A Oi com uma cobertura maior faria muito ESTRAGO na concorrencia…

Cidade - UF
Goianira
Erick Nilson Silva
Colaborador

Mas se a Vivo COMPRAR a Oi como ela anda querendo… isso NUNCA mais vai acontecer! kkk

Cidade - UF
Goiania GO