SKY dificulta entrada da CNN Brasil na grade

Até o momento, emissora possui contrato apenas com a Claro net tv.

Evaristo Costa na CNN Brasil
Imagem: Divulgação redes sociais

Todos pensaram que seria uma negociação fácil, mas a realidade não é necessariamente essa. SKY e CNN Brasil (do grupo Warner) são empresas da americana AT&T, mas isso não quer dizer o canal é certeza na grade da segunda maior TV por assinatura do país.

A proposta do grupo CNN para a prestadora é seguir a mesma estratégia fechada com a Claro net tv, entrar no pacote intermediário da TV paga. Entretanto, a SKY não gostou da ideia e teme que isso venha a encarecer seus pacotes.


Em um momento de queda contínua no número de assinantes das TVs por assinatura, a companhia carrega a preocupação de que a chegada da nova emissora vá encarecer seus planos.

Se isso ocorrer, até mesmo os pacotes básicos seriam afetados. Atualmente, eles contam apenas com a Globo News. Seria necessário informar com antecedência aos assinantes sobre um possível aumento no valor e as reações não seriam das melhores.

Recentemente, a empresa enfrentou um problema desse tipo, conforme foi noticiado aqui no Minha Operadora. Avisos foram emitidos, mas passaram despercebidos ou não foram recebidos pelos assinantes, que se assustaram com o aumento na fatura.

Um outro entrave para a CNN Brasil é a falta de espaço nos satélites da SKY para suportar a operação. Entretanto, com altos investimentos, tudo indica que a emissora aguarda que a companhia queira atender a demanda do público pelo canal.

VIU ISSO?

–> CNN Brasil sofrerá resistência na TV por assinatura?

–> CNN Brasil fecha acordo com primeira operadora de TV por assinatura

–> Cade aprova compra da Time Warner pela AT&T

Desde que a rede foi anunciada, os investimentos são altos. Jornalistas líderes de audiência na TV aberta foram convocados. Mas os valores só vão compensar a partir do momento em que o canal garantir boas janelas de transmissão.

Em 2011, a FOX Sports também encontrou barreiras para entrar na grade da SKY, mas a empresa acabou cedendo por pressão do público apaixonado por esporte. Será que o mesmo pode acontecer com a CNN?

Vale lembrar que SKY e Grupo Warner (controlador da CNN Brasil) vivem um dilema em terras brasileiras. Ambas são empresas da operadora americana AT&T, mas a gigante ainda não tem o aval da Anatel para concluir a aquisição no país.

O grande problema é a Lei da TV paga. Ela impede a propriedade cruzada na TV por assinatura, isso significa que a companhia americana não pode controlar SKY e Warner ao mesmo tempo.

Afinal, uma distribui e a outra produz conteúdo. A empresa tenta aprovar a compra sob o argumento de que a Time Warner não está sediada no Brasil, mas a demora também faz com que muitas autoridades pressionem por uma mudança na legislação.

Com informações de Observatório da Televisão

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.

3
Deixe um comentário

Por favor, faça login para comentar
3 Número de Comentários
0 Número de Respostas
0 Seguidores
 
Comentário mais reagido
Comentário com mais interação
3 Autores de comentários
Andreycesar666 Autores recentes de comentários
  Acompanhar esta matéria  
o mais novo mais antigo mais votado
Notificação de
666
Visitante
666

Etá matéria cheia de furos… A SKY tem espaço no novo satélite aos montes!!! Vide o monte de porcarias de Globos (já deve ter colocar mais de 30 Globos HDs) e canais pagos que é bom nada!!! Sem contar o aumento absurdo que a SKY teve na mensalidade esse ano…..

Cidade - UF
SP
cesar
Visitante
cesar

Ja existe globo news e bandnews nos pacotes comuns…porque a cnn seria só no hd ? se for assim…cancelarei minha assinatura…

Cidade - UF
Rj
Andrey
Colaborador
Andrey

Se a Sky não colocar em tds pacotes eu cancelo e vou pra claro..

Cidade - UF
Peruíbe