Adolescente fica sem celular e usa redes sociais pela geladeira

Ato de rebeldia da menina viralizou nas redes sociais e destacou o conceito da Internet das Coisas.

Geladeira da LG com Windows. Imagem: CNET
Geladeira da LG com Windows. Imagem: CNET

Chega a ser engraçado e ao mesmo tempo impressionante. Alguém pensou que a Internet das Coisas seria um desafio na educação dos adolescentes? Dorothy, uma inglesa de 15 anos, quase colocou fogo na cozinha enquanto fazia o jantar e utilizava suas redes sociais, ao mesmo tempo.

E qual foi o castigo dos pais? Confiscar o smartphone e o Nintendo DS da menina, que não desistiu e encontrou o seu Wii para voltar a publicar nas redes sociais. A mãe novamente descobriu e escondeu o videogame.


Entretanto, o vício de Dorothy falou mais alto do que tudo e ela apelou para o último recurso possível: a própria geladeira.

Com o comando de voz do eletrodoméstico, fortemente conectado pela Internet das Coisas, a menina conseguiu fazer uma publicação no Twitter, conforme é mostrado abaixo:

(“Eu não sei se isso vai funcionar. Estou falando com a geladeira. Minha mãe confiscou todos os meus eletrônicos de novo.”)

A postagem imediatamente viralizou na internet. As pessoas não sabiam se ficavam impressionadas com a esperteza da menina ou a evolução da tecnologia, com o conceito da Internet das Coisas na prática.

VIU ISSO?
SKY Play libera sucessos nacionais e vencedores do Oscar em agosto
Bug do Facebook expõe como a rede obtém informações pessoais nossas
Quanto valem os seus dados para empresas como o Facebook?

Convidada para uma entrevista no jornal de TV local, a adolescente explicou que tudo começou por ela estar distraída nas redes sociais, sem ter o que fazer nas férias de verão.

Como nada passa despercebido pela internet, usuários do mundo todo rapidamente começaram a compartilhar a hashtag #FreeDorothy, em campanha para a mãe liberar a adolescente do castigo.

Para entendermos a proporção, a LG (marca da geladeira de Dorothy) compartilhou a hashtag, assim como a conta oficial do Twitter.

É óbvio que os brasileiros não ficaram de fora dessa:

Nessa repercussão inusitada, a LG saiu em vantagem. Afinal, é uma ótima oportunidade para mostrar a capacidade da sua nova geladeira na prática.

Entretanto, muitos também levantaram debates para entender se os novos recursos tecnológicos não vão caminhar na contramão da educação dos pais para crianças e adolescentes.

Fica a reflexão!

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.

2
Deixe um comentário

Por favor, faça login para comentar
1 Número de Comentários
1 Número de Respostas
0 Seguidores
 
Comentário mais reagido
Comentário com mais interação
2 Autores de comentários
Ueritom Ribeiro BorgesGustavo Autores recentes de comentários
  Acompanhar esta matéria  
o mais novo mais antigo mais votado
Notificação de
Gustavo
Visitante
Gustavo

Quero Ver confiscar a geladeira agora , rsrs.

Cidade - UF
São Paulo SP
Ueritom Ribeiro Borges
Visitante
Ueritom Ribeiro Borges

Boa kkk

Cidade - UF
São José-SC