terça-feira, 3 de julho de 2018

Netflix deve lançar novo plano de assinatura com custo mais alto

O que você achou? 
Streaming anunciou que irá encerrar recurso de avaliação pelos usuários.

A Netflix está se preparando para lançar um novo plano de assinatura, de acordo com rumores que circulam pela Europa. 

O novo plano seria o mais caro até agora e incluiria a opção de acesso aos conteúdos HDR, além dos demais benefícios já disponíveis no plano Premium.

A nova opção de assinatura deverá se chamar ‘Plano Ultra’, de acordo com o blog italiano Tutto Android, que postou uma imagem com a descrição do serviço, preço e comparação com os demais planos já existentes.




Além do suporte a HDR que, obviamente, exige um hardware compatível, não há outros recursos novos no plano Ultra.

Usuários italianos que afirmam ter recebido a oferta de teste relatam que a assinatura Premium pode ter um downgrade desagradável: em vez de poder assistir ao conteúdo da Netflix simultaneamente em quatro telas, os assinantes Premium terão essa capacidade reduzida para apenas duas telas.

Da mesma forma, a assinatura padrão pode ser rebaixada para suportar apenas um monitor. 

Enquanto isso, o novo plano Ultra oferecerá o suporte para quatro monitores, conforme o site Tudo Celular.

Apesar dos preços dos planos Standard e Premium não sofrerem alterações, os clientes que precisam de mais telas para exibições simultâneas serão forçados a mudar de plano. 

LEIA TAMBÉM:


De acordo com os italianos, o plano Ultra custa € 16,99 na Itália, o que seria € 3 a mais do que o plano Premium atualmente disponível na plataforma. 

Nos EUA, a nova opção custaria US$ 13,99, o que é o equivalente a R$ 54,44, em conversão direta baseada no valor do dólar atual.

Ainda não houve nenhum anuncio oficial da Netflix sobre o novo plano.

Fim do Recurso de Avaliações 


O que foi anunciado pela Netflix nesta terça-feira (3) é o fim do recurso de avaliações pelos assinantes a partir do dia 30 de julho.

O recurso fica na seção ‘Opiniões de assinantes’ presente na aba ‘Detalhes’ e auxiliava na decisão de muitos usuários por assistir ou não ao filme, já que outros clientes comentavam o que acharam de cada título.

A empresa está enviando e-mails para os assinantes que já contribuíram com opiniões informando sobre a alteração e disse que o encerramento do recurso é devido a queda no uso desse sistema de avaliações.



Apesar da justificativa, há quem critique a Netflix e garanta que a própria empresa teria levado contribuído para a queda no uso do recurso ao substituir o sistema de avaliação e recomendação de estrelas para um novo método que utiliza porcentagens e positivo/negativo.



Nenhum comentário:

Postar um comentário