Para brigar com a Netflix, HBO Go não exige mais assinatura de TV

Os usuários que assinarem o serviço terão os primeiros 30 dias grátis.

Nesta quinta-feira, 30, o HBO GO, ganhou uma versão independente das operadoras no Brasil. O serviço agora pode ser assinado por usuários sem necessidade de planos de banda larga ou TV por assinatura.  


O streaming está disponível para usuários com dispositivos móveis com sistema Android ou iOS . Para assinar o serviço, basta baixar o aplicativo e fazer o cadastro. Os clientes que assinarem terão os primeiros 30 dias grátis. Após o período, o serviço sai por R$ 34,90 na Google Play e por US$ 11 (cerca de R$ 35) na App Store.  Comparado aos seus principais concorrentes, o serviço sai mais caro do que a Netflix (R$ 19,90 por mês) e a Amazon Prime Video (R$ 14,90 por mês).


O valor é cobrado diretamente na conta dos usuários na Google Play e na App Store e é renovado automaticamente. Os assinantes também podem cancelar o serviço a qualquer momento. Para conseguir assistir ao conteúdo do streaming, é preciso ter pelo menos uma conexão 3G.


O serviço já funciona de maneira independente em alguns países da América Latina, confira um dos teasers do streaming:


É possível assistir ao HBO GO por smartphones, tablets ou pela Android TV. O serviço não dá acesso ao conteúdo “ao vivo” dos canais HBO, os usuários passam a ter acesso aos episódios das séries e aos filmes após alguns minutos de exibição na TV.

LEIA TAMBÉM:

No UOL Play você encontra filmes, séries, desenhos, shows e esportes ao vivo. Além disso, alugue os títulos que acabaram de sair do cinema. Clique e experimente por 7 dias grátis!

COMPARTILHAR EM:

Acompanhar esta matéria
Notificação de
3 Comentários
mais votado
mais novo mais antigo
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários
Pedro Marinho

ME DESCULPAS HBO É DOIDA ? PAGA ISSO TUDO PARA NÃO TER PROGRAMAÇÃO AO VIVO TA É LOUCA A CORDA HBO

Pedro Marinho

NO NOW DA NET OU CLARO VOCÊ TEM O MESMO CONTEÚDO COM DISPONIBILIDADES DE CANAIS AO VIVO.

Adalmo

Serviço caro, sou muito mais a Netflix.