Oi propôs aporte de R$ 5 bilhões à Anatel

Operadora apresentou uma proposta de capitalização de R$ 5 bilhões, valor inferior ao sugerido pela diretoria da empresa anteriormente, de R$ 8 bilhões.


O Conselho de Administração da Oi apresentou a Anatel uma proposta de aumento de capital, para incluir R$ 5 bilhões em dinheiro novo, no plano de recuperação judicial. A companhia pretende utilizar o valor para realizar investimentos em novos projetos de expansão.


A sugestão foi o motivo do posicionamento rígido da Agência em nota divulgada após a reunião com os conselheiros da operadora, que aconteceu na última terça-feira. No comunicado, a Anatel afirma que a minuta do plano apresenta margem para questionamento sobre sua credibilidade e garantias de aporte de capital.

A nota divulgada pela Anatel teve um tom bem diferente das declarações do presidente da agência, Juarez Quadros, que considerou a reunião como positiva e afastou a possibilidade de intervenção do órgão regulador na empresa.

A proposta levada à agência seria executada em duas etapas: um aporte de R$ 3 bilhões feito por credores, associado ao plano de recuperação da operadora; e, num prazo de 12 meses após o aporte inicial, os acionistas colocariam mais R$ 2 bilhões. Porém, nenhuma garantia foi levada para a Anatel e nem as condições da operação foram detalhadas.

LEIA TAMBÉM:


Acompanhar esta matéria
Notificação de
1 Comentário
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários