Vivo agiliza digitalização de processos para diminuir custos

Operadora vem investindo na digitalização de diversos processos, como contas de serviços, para economizar anualmente até R$ 9 bilhões.


A Telefônica Vivo está investindo na digitalização de diversos processos, como o de contas de serviços, e deve economizar até R$ 9 bilhões por ano, de acordo com David Melcon, diretor de finanças da empresa. No envio de contas impressas, por exemplo, a companhia gasta em média entre R$ 500 milhões e R$ 600 milhões por ano.

Por conta disso, a operadora vem trabalhando forte para incentivar os clientes a aderirem às contas on-line, através do portal Meu Vivo ou da assistente digital Vivi. Com as ações, a empresa prevê uma redução de custos de até 40%. Atualmente, os custos da fatura digital representam 5% dos custos com papel, já que as contas digitais cresceram 12% no 2° trimestre em comparação com o mesmo período no ano passado.

Outra ação incentivada pela Vivo é o uso do comércio eletrônico através dos canais digitais. As recargas online, por exemplo, cresceram 28% neste ano e custam 40% menos do que os canais físicos. Entre os serviços móveis, a migração do pré para o pós-pago também favorece o comércio eletrônico, além de reduzir a necessidade do call center e da fatura impressa.

O trabalho vem gerando resultados para a Vivo. Cerca de 70% dos novos assinantes de pós-pago da operadora já usam a conta digital. Melcon destacou que, para alcançar a meta, a empresa espera ganhar eficiência com a integração de serviços.

LEIA TAMBÉM:

Acompanhar esta matéria
Notificação de
2 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários