InícioNotíciasOi possui nove diretorias regionais "para estar mais perto do cliente"

Oi possui nove diretorias regionais “para estar mais perto do cliente”

Dividir a área de atuação para melhor administrar. É essa a estratégia adotada há um ano pela companhia Oi, que elegeu o caminho da regionalização para ficar mais perto do cliente, melhorar os serviços prestados e continuar crescendo. Do final de 2011 para cá, a empresa criou nove diretorias regionais, com cinco diretores cada uma. Periodicamente, as regionais são visitadas pela cúpula da companhia, para acompanhar de perto os problemas e participar diretamente do equacionamento das soluções.

“Se ficássemos todo o tempo na sede da empresa, no Rio de Janeiro, não poderíamos acompanhar tão de perto o que acontece em todas as áreas em que atuamos”, disse o presidente da Oi, Francisco Valim, que esteve em Salvador na última sexta-feira, em visita à diretoria regional da Bahia. 

Valim informou que a Oi está iniciando o processo de instalação da rede 4G no estado, com previsão de funcionamento em meados de 2013, época da Copa das Confederações. Serão investidos aproximadamente R$ 1 bilhão, além de R$ 400 milhões em licenças junto a prefeituras e a órgãos de proteção ambiental. No momento, o projeto está em fase de desenho de rede e definição de fornecedores. As outras capitais que vão hospedar a Copa das Confederações (Rio, Brasília, Belo Horizonte, Fortaleza e Recife) também contarão com a rede, dentro do mesmo prazo. Em 2014, todas as capitais que sediarão jogos da Copa do Mundo já deverão contar com redes 4G da operadora. 

O executivo admitiu que, por se tratar de um serviço novo e diferenciado, o custo inicial será um pouco mais alto, devido principalmente à necessidade de utilização de um mini modem para a operação na frequência da rede 4G (2,5 gigahertz). Ele não sabe precisar qual o percentual médio do aumento, mas salientou que o custo não será muito mais alto do que o dos mini modem utilizados hoje. “Além disso, até a metade do ano que vem, outros aparelhos para 2,5 gigahertz entrarão no mercado, o que deverá baixar o custo”, previu. 

Do investimento orçado para a Bahia este ano (R$ 456 milhões, 16% a mais do que no exercício de 2011) a Oi aplicou até agora R$ 222 milhões, segundo informou o executivo. Os recursos foram gastos sobretudo em mobilidade, banda larga e ultra banda larga de internet. Ainda estão previstas novas ampliações de rede e instalação de mais sites, locais onde ficam instaladas 
as antenas que realizam a transmissão do sinal do telefone celular . 

A empresa informa que aumentou a capacidade de telefonia celular 3G e está ampliando 68 sites 2G em Salvador. No interior, a meta é promover a expansão em 105 sites 3G, dos quais 61 estão concluídos, fechando o ano com 24 municípios atendidos. 

Valim salientou que entre os municípios incluídos nos planos da Oi está Barreiras, capital do agronegócio do oeste do estado. “Estamos trabalhando para conseguir as licenças, a fim de ampliar a rede de fibra óptica e os serviços de transmissão de voz e de dados”.

Segundo ele, um dos principais gargalos para a expansão dos serviços é a dificuldade de liberação de licenças, sobretudo por parte de prefeituras, com vistas à localização das torres. As restrições à instalação de torres nas imediações de prédios públicos, hospitais e outros locais, diz, terminam concorrendo para atrasar o cronograma.
Depois do incêndio que atingiu sua sede na Bahia, em dezembro de 2010, comprometendo os serviços de telefonia móvel, fixa e internet em seis estados, o prédio central da Oi está renascendo maior e mais moderno. Localizada ao lado do edifício que pegou fogo, no bairro do Itaigara, a nova sede da operadora começou a ser construída no início deste ano, com previsão de ser inaugurada em dezembro de 2013. Para erguer o novo prédio, a empresa está investindo R$ 80 milhões. A proposta é lançar mão de soluções econômica e ambientalmente sustentáveis na obra. Entre os diferenciais do projeto está o aproveitamento de água das chuvas e da iluminação natural. O prédio está sendo construído em um terreno com 13 mil metros quadrados de área e terá 12 andares, seis deles para estacionamentos.


Redação Minha Operadorahttps://plus.google.com/112581444411250449571
Um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecomunicações do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários