TIM pretende ampliar rede em cidade do PR





Diante de tantas reclamações dos usuários de telefonia celular em fazer ligações em razão da superlotação das redes e a inexistência de sinal em alguns pontos da cidade, os executivos regionais da operadora italiana TIM estiveram nesta quarta-feira na prefeitura de Criciúma para pedir apoio ao município.

De acordo com o diretor comercial da TIM para PR e SC, Alexandre Ratacheski, 49% dos usuários de celular em Criciúma pertencem à clientela da TIM, enquanto as recargas para aparelhos pré-pagos chegam a 70% para a empresa em relação às concorrentes. Em Criciúma, a TIM possui 11 antenas emissoras de sinais e esses equipamentos deverão sofrer reparos para ampliar a capacidade de rede em até 40%.

Durante o encontro também foram esclarecidas dúvidas sobre a legislação municipal em relação à instalação de antenas, recentemente modificada. Conforme a equipe italiana, há projetos para instalação de mais seis antenas na cidade, nos bairros Pio Corrêa, Verdinho, Imigrantes, São Simão, Nossa Senhora da Salete e nas proximidades ao aeroporto Diomício Freitas. “Se conseguirmos chegar a 18 antenas, ampliaremos a cobertura em 42%”, calcula o engenheiro de rede da TIM, Cleber Affanio.

No UOL Play você encontra filmes, séries, desenhos, shows e esportes ao vivo. Além disso, alugue os títulos que acabaram de sair do cinema. Clique e experimente por 7 dias grátis!

About Redação Minha Operadora
Um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecomunicações do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
0 0 voto
Nota para o redator
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários