Goldman reduz preços-alvo de ações de telecomunicações

O Goldman Sachs reduziu os preços-alvos de ações de empresas de telecomunicações e de tecnologia da informação (TI) no Brasil, mas manteve suas recomendações considerando que não há sinais por enquanto de desaceleração no setor.

O preço-alvo da Oi foi reduzido de R$ 25 para R$ 21,50, enquando o da Telesp caiu de R$ 53 para R$


50,50. O da TIM Participações passou de R$ 11,50 para R$ 11 e o da Totvs passou de R$ 31 para R$ 29,50.

No caso da Oi, a estimativa foi revisada devido aos gastos com marketing e publicidade para a empresa recuperar o crescimento de telefonia móvel. A recomendação para o papel continua sendo neutra.

Para TIM, o Goldman considera que a operadora deverá registrar maiores custos com subsídios dado para incentivar a venda de smartphones. Para essa ação, a recomendação é de compra.

Já os preços-alvo de Telesp e Totvs foram reduzidos para incorporar novas estimativas macroeconômicas e a desaceleração do crescimento brasileiro. A recomendação continua sendo neutra para as duas ações.

Apesar disso, o Goldman Sachs continua com uma avaliação positiva para o setor.

“Os dados de telecomunicações no Brasil não mostram sinais de desaceleração, pelo menos não até agosto”, afirmaram os analistas Lucio G. Aldworth e Carolina Yoshimoto, em relatório. “Os dados publicados mensalmente pela Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) parecem sugerir o oposto”, completaram.

Às 13h03, os papéis da Oi subiam 1,18%, a R$ 17,10, os da TIM recuavam 1,15%, a R$ 8,58, e os da

Telesp perdiam 2,88%, a R$ 46,13. Os da Totvs – fora do Ibovespa – subiam 0,78%, a R$ 29,62.

A SKY tem o plano ideal para a sua TV! Aproveite já com 50% de desconto no primeiro mês. Ligue 0800 123 2040.

COMPARTILHAR EM:

About Redação Minha Operadora
Um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecomunicações do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários