quarta-feira, 5 de junho de 2013

Governo combate tarifas abusivas nas ligações de celulares pré-pagos

O que você achou? 
Apesar de 80% dos clientes brasileiros utilizarem sistemas de telefonia pré-pagos, os valores das tarifas para quem escolhe tal opção são muito mais altos.

Por isso, a Comissão da Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática aprovou projeto que coíbe a diferença abusiva entre preços e tarifas entre os planos de serviço pós e pré-pago (PL 3906/12).

“Estamos fazendo uma correção, pois há muita gente ganhando em cima disso”, afirmou o deputado Eliene Lima (PSD-MT), relator do projeto. As diferenças entre os valores chegam até a 300%.

Segundo a Anatel, em abril, 80% das 264 milhões de linhas móveis no Brasil usavam sistema pré-pago.

Mesmo com a aprovação da proposta, a advogada do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) Veridiana Alimonte diz que ainda não dá para saber se, na prática, os serviços pré-pagos vão ficar mais baratos. 

Para o relator, o projeto dará a Anatel um instrumento legal efetivo para supervisionar os preços cobrados.