18/06/2024

UniSantaCruz é a 1ª universidade do país a receber uma rede 5G privativa

Com o suporte da empresa Databahn Solutions, a rede foi instalada pela Ligga Telecom dentro do campus da instituição de ensino.

Nesta quarta-feira (21), o Centro Universitário Santa Cruz (UniSantaCruz) e a Ligga Telecom lançaram em Curitiba a primeira rede privada 5G em uma instituição de ensino superior no Brasil. Com suporte da empresa Databahn Solutions, foram instaladas duas antenas 5G no campus da universidade, cujo sinal será transmitido para todas as salas por meio de modems.

Na foto, Marcelo Rangel. Foto: Inova Paraná

O projeto é um marco na jornada tecnológica da educação e vai gerar um impacto positivo no desenvolvimento tecnológico, transformando a comunidade acadêmica, a indústria de telecomunicações e o setor de inovação do Paraná.

A rede privativa 5G vai beneficiar mais de 18 mil estudantes e professores da universidade, que poderão explorar e testar produtos e projetos tecnológicos através de uma rede que promete maior estabilidade, menor consumo de energia, maior velocidade de conexão e maior confiabilidade. O 5G é capaz de receber uma conexão até 100 vezes mais rápida em relação a uma rede banda larga comum.

A presidente do Centro Universitário Santa Cruz, Amanda Brito, destaca a importância do projeto para a universidade. “Acredito que vai ser uma informação educacional não só para nós da UniSantaCruz, mas sim para todo o País”, afirma.

“A partir de hoje, nossos educadores passam a pensar a tecnologia como principal ponto na metodologia de ensino, nós vamos trazer isso para dentro da sala de aula”, destaca Brito.

Para o diretor presidente da Ligga Telecom, Wendell de Oliveira, o projeto é importante para o desenvolvimento de soluções que irão trazer mais oportunidade e competitividade para as empresas. “O Paraná é o Estado mais inovador do Brasil, Curitiba é a cidade mais inteligente do mundo e essa iniciativa vem para validar o que sempre falamos. Ainda tem muito a ser feito, esse é o primeiro de possíveis centenas de outros projetos”, afirmou.

“É um pilar muito importante que a Ligga traz junto com os parceiros UniSantaCruz e Databahn para mostrar que a tecnologia é aplicável não só em educação, mas a gente também pode pensar em outras verticais de negócio”, avalia Rafael Marques, vice-presidente de Negócios da Ligga.

Segundo o secretário estadual da Inovação, Modernização e Transformação Digital, Marcelo Rangel, a implementação da rede 5G na universidade é o início de um processo de inovação que vai gerar oportunidades de operação em diversos setores como saúde, educação e infraestrutura. “Ser pioneiro na inovação é fundamental, você faz escola. E tecnologia na educação é mais importante ainda, é a base de tudo, e o Paraná ganha muitos pontos com isso”, celebra.

O Paraná já é considerado o Estado mais inovador do Brasil e hoje nós subimos mais um degrau, temos no nosso portfólio a primeira instituição de ensino superior com uma rede privada de 5G. Estamos falando de uma transformação na vida dos professores, dos estudantes e da comunidade”, disse.

3 COMENTÁRIOS

Se inscrever
Notificar de
guest
3 Comentários
Mais antigo
Mais recente Mais Votados
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários