24/02/2024

Governo lança aplicativo para bloquear celulares roubados

De acordo com Ricardo Cappelli, os aparelhos roubados ou furtados serão transformados em ‘num pedaço de metal inútil’ após o bloqueio.

Nesta terça-feira (19), o Ministério da Justiça e Segurança Pública vai lançar o aplicativo Celular Seguro, que permitirá o bloqueio imediato de linhas telefônicas e do próprio aparelho de telefone móvel em casos de roubo e furto. A ideia é tornar os celulares inúteis em casos de serem roubados ou furtados, resultando assim na frequência desse tipo de ação criminosa no país.

O ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, Paulo Pimenta, explica que essa é uma “medida importante para diminuir a dor de cabeça e as perdas financeiras de quem passa por furto ou roubo”.

“Caso você seja roubado, é só acionar o sistema por um computador que operadora telefônica e bancos são notificados no mesmo instante, bloqueando acessos”, explicou o ministro.

De acordo com o secretário-executivo da pasta, Ricardo Cappelli, os celulares roubados serão transformados “num pedaço de metal inútil” após o bloqueio. “Com apenas um clique, a vítima enviará um aviso simultaneamente para a Anatel, para os bancos, para as operadoras de telefonia e para os demais aplicativos”, anunciou.

Para utilizar o aplicativo, a pessoa deverá cadastrar os dados em uma página na internet a ser divulgada pelo governo federal. A nova plataforma foi desenhada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP) em parceria com a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) e com a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Mas contou também com a colaboração de entidades e empresas, Caixa, Inter, Banco do Brasil, Bradesco, Sicredi e Sicoob.

De acordo com o governo federal, o aplicativo Celular Seguro estará disponível para download em lojas virtuais a partir de hoje, mas não substitui a comunicação com autoridades e instituições relevantes em tais situações. O app vai facilitar o bloqueio rápido do aparelho celular, da linha telefônica e dos aplicativos bancários em caso de furto ou roubo.

O desenvolvimento deste projeto vem sendo discutido desde agosto de 2023, com reuniões entre o ministério, entidades setoriais, agências regulatórias e empresas de telefonia e tecnologia.

Como usar o aplicativo Celular Seguro

Para ter acesso à nova ferramenta, é preciso ter cadastro na plataforma Gov.br. O aplicativo poderá ser baixado na Google Play ou na App Store. Após instalado, o usuário deve fazer login utilizando a conta com CPF e senha.

O usuário deve se ater aos termos de privacidade e concordar com os termos. Já na página inicial, o responsável pelo cadastro pode: indicar uma pessoa de confiança; registrar um número de telefone; ou registrar ocorrência.

1 COMENTÁRIO

Se inscrever
Notificar de
guest
1 Comentário
Mais antigo
Mais recente Mais Votados
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários