21/02/2024

TikTok cria medidas de segurança em relação ao conflito Israel-Hamas

Conforme o conflito entre Israel e o grupo Hamas continua, as redes sociais estão sob escrutínio devido ao seu papel na disseminação de informações reais e falsas relacionadas ao conflito. O Comissário do Mercado Interno da União Europeia, Thierry Breton, solicitou esclarecimentos das empresas X (antigo Twitter), Meta (empresa-mãe do Facebook) e, mais recentemente, TikTok, sobre as medidas que cada uma delas está adotando para proteger os jovens usuários.

Israel

Em 12 de outubro, Thierry Breton publicou um comunicado direcionado ao CEO do TikTok, Shou Zi Chew, destacando a responsabilidade do aplicativo em proteger crianças e adolescentes de conteúdo violento, propaganda terrorista e desafios que possam colocar vidas em risco.

Em resposta a essa preocupação, o TikTok emitiu um comunicado no último sábado, 14 de outubro, no qual ressaltou seu compromisso contínuo em proteger a comunidade de usuários da plataforma. A empresa enfatizou que busca manter a transparência e a liberdade de expressão ao mesmo tempo em que implementa medidas de segurança para proteger seus usuários de conteúdos prejudiciais.

O TikTok implementou medidas para melhor gerenciar crises, incluindo um sistema de detecção automática aprimorado para identificar e remover automaticamente conteúdo gráfico e violento. Eles também contrataram mais moderadores fluentes em árabe e hebraico. Isso está em linha com a melhoria de suas políticas contra violência, ódio e desinformação:

  1. Eliminação de conteúdo que endossa a violência ou debocha das vítimas.
  2. Aplicação de modificações temporárias nas diretrizes, incluindo restrições adicionais à audiência de transmissões ao vivo no TikTok.
  3. Colaboração com agências de aplicação da lei e peritos em todo o globo para esclarecer os “critérios legais e de direitos humanos” e reforçar ainda mais a defesa da plataforma.
  4. Introdução de avisos na função de busca que notificarão a comunidade do TikTok sobre possíveis desinformações e direcionarão os utilizadores para recursos relacionados ao bem-estar no aplicativo.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários