Governo apresenta nova carteira de identidade nacional e passaporte

Segundo o governo, os novos documentos trazem mais segurança contra fraudes e mudanças no design valorizando a cultura brasileira.

Em um evento realizado na tarde da última segunda-feira (28) no Palácio do Planalto, em Brasília, o presidente da República Jair Bolsonaro (PL) entregou as primeiras unidades da Carteira de Identidade Nacional (CIN), que chega para substituir o Registro Geral (RG) utilizando o Cadastro de Pessoa Física (CPF) como número único para identificação dos brasileiros em território nacional e países do Mercosul.

Carteira de Identidade Nacional (CIN). (Imagem: Reprodução/Governo Federal).

O documento chega com um código de QR Code que permite às autoridades validarem as informações utilizando um aplicativo compatível com Android e iOS, mesmo recurso de segurança que está presente tanto no modelo antigo quanto novo da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e aumenta a segurança contra falsificação e outras fraudes.

Além da nova identidade, o governo federal também aproveitou o evento para oficializar o modo modelo do passaporte brasileiro, documento exigido dos cidadãos em viagens para o exterior. O novo visual foi desenvolvido em uma parceria conjunta firmada entre a Polícia Federal, Casa da Moeda e Itamaraty.

Essa é a segunda mudança no design do passaporte durante o governo de Jair Bolsonaro, que em 2019 alterou a capa pela primeira vez aumentando o tamanho do brasão da República e retirando as estrelas do Cruzeiro do Sul.

O passaporte de 2022, por sua vez, chega com importantes mudanças na parte externa e interna, posicionando o brasão na parte esquerda e adotando outros elementos visuais que compõem a parte frontal. O interior está repleto de símbolos e marca d’água que remetem a todos os estados brasileiros e seus biomas, como Caatinga, Pampas, Cerrado, Mata Atlântica, Amazônia e Pantanal.

Embora as mudanças estéticas de fato chamem a atenção, a PF explica também ter introduzido avanços na segurança inserindo 12 novas marcas d’água nas folhas internas do documento, mantendo o chip NFC para identificação em portos e aeroportos de todo o mundo.

Conheça o novo passaporte

Lucas Ribeiro
Lucas Ribeiro
Jornalista há quatro anos, trabalho com revisão de textos e elaboração de pautas sobre telefonia móvel/telecomunicações no geral. Como lema, compartilho a ideia de Álvaro Borba, que diz: “Não importa o que eu acho, importa o que eu sei, e o que sei são os fatos”.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários
0
O que você acha? Comente!x