22/06/2024

Google entra com pedido de falência na Rússia após ter contas confiscadas

Empresa tem estado sob pressão no país por não excluir conteúdos considerados ilegais e por restringir o acesso à algumas mídias no YouTube.

De acordo com informações da agência Reuters, nesta quarta-feira (18), o Google entrou com um pedido de falência em sua subsidiária na Rússia. A informação foi confirmada por uma mensagem publicada no registro oficial do país russos, Fedresurs. “O Google Rússia publicou um aviso de sua intenção de declarar falência”, diz a nota.

De acordo com o portal, a subsidiária russa do Google planejou declarar falência depois que as autoridades confiscaram sua conta bancária, impossibilitando a continuidade das operações.

“A apreensão das autoridades russas da conta bancária do Google Rússia tornou insustentável o funcionamento de nosso escritório na Rússia, incluindo empregar e pagar funcionários baseados na Rússia, pagar fornecedores e fornecedores e cumprir outras obrigações financeiras”, disse um porta-voz do Google.

As autoridades da Rússia afirmaram na terça-feira (17) que não planejam bloquear o YouTube, embora tenham realizado diversas ameaças e multas, reconhecendo que a ação poderia prejudicar os usuários russos, e com isso, deveria ser evitada.

Há meses que o Google está sob pressão por não excluir conteúdo que Moscou considera ilegal e por restringir o acesso à algumas mídias russas no YouTube, mas o Kremlin até agora parou de bloquear o acesso às suas plataformas.

“Desde 22 de março de 2022, prevê a sua própria falência e incapacidade de cumprir as suas obrigações pecuniárias, exigências de indenizações e (ou) a remuneração do pessoal e (ou) cumprir com pagamentos obrigatórios dentro do prazo prescrito”, disse a nota.

Em abril, um canal de TV de um empresário russo sancionado afirmou que oficiais de justiça apreenderam 1 bilhão de rublos (US$ 15 milhões) do Google por não ter conseguido restaurar o acesso à sua conta do YouTube.

O grande buscador não confirmou imediatamente se a apreensão desses fundos foi o motivo da intenção de declarar falência ou se foram outras apreensões. O banco de dados do Serviço Federal de Oficiais de Justiça russa já listou duas apreensões desde meados de março, mas não foram retirados valores.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários