InícioRegulaçãoGoverno lança projeto para levar rádio FM para estradas

Governo lança projeto para levar rádio FM para estradas

Sistema piloto está em operação na rodovia que liga São Paulo e Rio de Janeiro. Saiba como sintonizar.

Governo lança projeto para levar rádio FM para estradas

O Ministério das Comunicações (MCom), em parceria com o Ministério da Infraestrutura, acaba de lançar o serviço Radiovias, com o objetivo de expandir o número de emissoras de rádios cobrindo rodovias federais.

A novidade foi anunciada em portaria interministerial publicada nesta quinta-feira, 6 de maio, no Diário Oficial da União.

Desde 2013, um projeto piloto está em testes pela concessionária CCR NovaDutra, no trecho da Via Dutra que liga São Paulo ao Rio de Janeiro, por meio do canal 107.5 FM.

A transmissão está disponível para os motoristas que percorrem a rodovia, 24 horas por dia, informando sobre o trânsito, condições do tempo, obras e interferências, dicas direção defensiva, prestação de serviços, sugestões de passeios, entre outros.

VEJA TAMBÉM:

–> Rádio FM em celulares passa a ser obrigatório no Brasil

–> Anatel deve liberar frequências para que 364 rádios AM passem a operar em FM

–> Governo flexibiliza transmissão do programa ‘A Voz do Brasil’

Com a publicação da portaria é esperado que o serviço seja expandido para os 75 mil quilômetros de rodovias federais de todo o país.

Segundo Maximiliano Martinhão, secretário de radiodifusão do MCom, em boa parte dessas estradas os motoristas e caminhoneiros não têm acesso à informação.

“Eles não sabem, por exemplo, onde parar para dormir, comer, onde abastecer, serviço médico, mecânico ou mesmo como está a estrada, seja por acidentes ou questões climáticas. Com o Radiovias teremos uma estação FM focada em fornecer essas informações e facilitar a vida dos motoristas”, explicou Martinhão.

De acordo com o secretário, a CCR NovaDutra identificou uma redução em mais de 30% em acidentes graves devido à existência de uma emissora FM passando informações aos motoristas sobre as condições da via.

Quem também ressaltou a importância do projeto foi o ministro das Comunicações, Fábio Faria, que aproveitou para prometer conectividade em 48 mil km em rodovias após o leilão do 5G.

“É mais uma de nossas ações para levar as comunicações também para os caminhoneiros, para a turma que atua no escoamento da produção no nosso país”, afirmou Faria.

Na prática, o MCom e a Agencia Nacional de Telecomunicações (Anatel) vão escolher os canais da faixa FM, além de promover estudos de viabilidade do projeto em cada trecho.

A ideia é que no longo prazo é ter apenas um canal cobrindo todas as rodovias federais.

A transmissão será restrita aos leitos das rodovias, por meio de antenas de transmissão guiadas.

O custeio da rádio será feito por publicidades institucionais.

Com informações de Ministério das Comunicações.

Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 9 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
CONTEUDO RELACIONADO
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários

MAIS POPULARES