Leilões de 5G nos EUA movimentam US$ 2,7 bilhões

A AT&T, Verizon e T-Mobile EUA foram as operadoras que mais gastaram na aquisição de frequências 5G nos dois leilões realizados pela Comissão Federal de Comunicações dos EUA (FCC, na sigla em inglês), segundo resultados divulgados na segunda-feira (3).

Os leilões cobrem duas faixas de espectro sem fio em frequências antes consideradas muito elevadas para o serviço de celular: 28 GHz e 24 GHz. A FCC resolveu, no entanto, apostar nessas frequências como parte de sua estratégia para estimular os investimentos em 5G.


O órgão regulador divulgou que arrecadou mais de US$ 2,7 bilhões no total com os leilões. A AT&T foi a que mais gastou na faixa de 24 GHz, pagando US$ 982 milhões para 831 licenças, seguida pela T-Mobile EUA, que desembolsou US$ 803 milhões por 865 licenças. Na frequência de 28 GHz, a Verizon investiu US$ 505 milhões por 1.066 licenças, enquanto a US Cellular gastou US$ 129 milhões com espectro de 28GHz.

A decepção no leilão foi a Sprint, que teria participado da concorrência sob o nome ATI Sub LLC (a empresa não diz se participou realmente do leilão) e não ganhou nenhuma licença. A operadora, no entanto, possui grandes reservas de espectro de banda média que planeja usar para 5G. Além disso, se a operadora se fundir com a T-Mobile EUA, poderá combinar os espectros.

About Erivelto Tadeu
Jornalista com mais de 30 anos de experiência, exercendo as funções de repórter, redator, editor, especializado nos setores de tecnologia da informação, internet e telecomunicações.

Deixe um comentário

Por favor, faça login para comentar
  Acompanhar esta matéria  
Notificação de