Oi e Claro pedem que governo não barre a Huawei

Presidente das operadoras pedem que Brasil não tome partido na briga entre os EUA e a Huawei.

Os presidentes das operadoras Oi e Claro pediram para que o governo brasileiro não embarque na guerra travada entre EUA e China, mais precisamente no embate travado entre o presidente americano Donald Trump e empresas de tecnologia do país asiático. Essa tensão envolve, por exemplo, sanções contra a Huawei, uma das empresas mais importantes do mundo em relação aos equipamentos de rede.
 
As sanções estão sendo aplicadas porque os EUA acusa a Huawei de praticar espionagem através dos seus produtos.


 

Ambas as teles brasileiras pedem para que o governo brasileiro adote uma postura neutra em relação a toda essa tensão. Eurico Teles, presidente da Oi, declarou, durante sua participação no painel Telebrasil, que “tecnologia não tem pátria”. Teles também acredita que não será adotada uma postura política na decisão, já que a população poderia ser privada dos serviços.

VIU ISSO?
 
A Oi já realizou testes com o 5G no Brasil e os equipamentos utilizado foram da Huawei. Recentemente a companhia passou a integrar uma lista negra nos EUA, em que as empresas americanas de telecomunicações ficam impedidas de instalar equipamentos estrangeiros que representem alguma ameaça à segurança nacional.
 
Outro executivo que se pronunciou sobre o assunto, no mesmo evento, foi José Félix, presidente da Claro: “As operadoras já fizeram muitos investimentos nas redes 2G, 3G, 4G, e 4,5 G usando as tecnologias de todos os fabricantes, como a Huawei, a Nokia e a Ericsson. Seria um inferno se o governo mexesse nessa questão”, declarou o executivo.

About William Plaza
Levamos informação de qualidade sobre o setor de telefonia fixa, móvel, internet banda larga e televisão por assinatura para os milhões de brasileiros que a cada dia estão se conectando cada vez mais.

1
Deixe um comentário

Por favor, faça login para comentar
1 Número de Comentários
0 Número de Respostas
0 Seguidores
 
Comentário mais reagido
Comentário com mais interação
0 Autores de comentários
Claudinho Vivo 4G Autores recentes de comentários
  Acompanhar esta matéria  
o mais novo mais antigo mais votado
Notificação de
Claudinho Vivo 4G
Visitante

Na hora de pegar dinheiro do povo e limitar dados, pode. Fazem de tudo pra Anatel aprovar.
Quando é pro lado deles, ai não pode.

Engraçado que operadoras da Europa que como VodaFone a EE não acharam que isso seria um empecilho para elas. Na verdade já até fizeram o boqueio e descontrato com o Huawei.

As empresas do Brasil sempre querendo dá um jeitinho pra tudo também.