Vendas da TIM crescem 80% na Black Friday

Operadora promoveu uma grande mobilização que reuniu funcionários de diversos setores da companhia.



A TIM começou a divulgar os reflexo das suas ações de Black Fliday, em especial uma mobilização que envolveu 400 funcionários. A operadora registrou 80% de crescimento nas vendas – dados parciais revelado nesta tarde.

A principal ação que a TIM promoveu na edição deste ano da Black Friday foi uma mobilização chamada “Meu dia no ponto de venda, que envolveu 400 funcionários do Trade, Suporte a Vendas e Desenvolvimento de Canais que atuam no “Sales Consumer” para as lojas e pontos de venda (PDV) de todo o Brasil, para se juntarem aos mais de 10 mil vendedores e promotores.

A operadora explica que todos os participantes da ação receberam um treinamento prévio e, ao longo da Black Friday, identificaram as melhores práticas para serem compartilhadas com toda a equipe. Os profissionais, ao final do dia, responderão a uma pesquisa para contar suas percepções. Esse material servirá de insumo para a melhoria contínua.


VIU ISSO?


“Diretores, gerentes e consultores tiveram um dia como vendedores para se aproximar ainda mais do cliente, entender sua necessidade e o seu perfil, apresentar soluções, tirar dúvidas e fazer com que tenha a melhor experiência no ponto de venda. Além disso, fazemos um movimento de colaboração com os colegas em um dia de lojas muito cheias. Esse é o foco da TIM, nessa nova gestão, que preza o melhor atendimento ao cliente”, explica o diretor comercial da TIM, João Stricker.



About William Plaza
Levamos informação de qualidade sobre o setor de telefonia fixa, móvel, internet banda larga e televisão por assinatura para os milhões de brasileiros que a cada dia estão se conectando cada vez mais.

2 Comentários

  1. Entrei em contato com a TIM no *144 para renegociar e readequar meu plano; senti diferença, atendente atenciosa, educada e a solicitação foi atendida de imediato! Parabéns, espero que continuem com foco na qualidade de atendimento e rede.

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.


*