sexta-feira, 9 de novembro de 2018

TIM ativa rede para Internet das Coisas em Itajubá (MG)

O que você achou? 
Startups e instituições de ensino usarão a rede para desenvolver soluções inovadoras para vários setores.


A segunda rede NB-IoT da TIM, voltada para soluções de Internet das Coisas (IoT), foi ativada em Itajubá (MG). A ação foi realizada em parceria com a Ericsson e a INOVAi (Associação Itajubense de Inovação e Empreendedorismo). 

A rede será utilizada por instituições de ensino e startups para o desenvolvimento de soluções inovadoras em IoT para os setores de saúde, indústria, educação e segurança. 

Os parceiros da operadora irão acessar a tecnologia utilizando a plataforma IoT Accelerator, uma solução em nuvem da Ericsson. 

A primeira ativação da plataforma NB-IoT aconteceu em Santa Rita do Sapucaí (MG), em junho deste ano. Atualmente, a TIM é a única empresa do país a oferecer essa tecnologia comercialmente.

Sob supervisão da INOVAi, as startups e os alunos de graduação e mestrado da UNIFEI trabalharão no desenvolvimento de diversos módulos NB-IoT. 

VIU ISSO?


No que tange o desenvolvimento de inovação para Cidades Inteligentes e Utilidades, o grupo está buscando por soluções para medição de consumo de água com capacidade de telegestão e desligamento/religamento remoto; monitoramento de parâmetros elétricos em linha de média tensão 13.8k e baixa tensão; e Módulo Inteligente com capacidade de telegestão para Luminárias Públicas em conectores NEMA 3 (Fluorescentes Liga-Desliga) e NEMA 7 (LED dimmerizavel).

Já no segmento segurança e logística, os estudos são sobre rastreadores com GPS extra-low power com medição de Temperatura e Acelerômetro para aplicação na área de logística, segurança pessoal e automotiva. 

A vertical industrial está trabalhando em inovações para medidores de grandezas elétricas para uso em subestações e paineis fotovoltaicos (tensão, corrente, frequência e potência).

Já no que tange a saúde, o foco é direcionado a Holter para telemedicina (batimento cardíaco, oxímetro e respirômetro).



Nenhum comentário:

Postar um comentário