InícioNotíciasOperadora pode ficar encarregada de cuidar da iluminação pública

Operadora pode ficar encarregada de cuidar da iluminação pública

Operadora Sercomtel pode ser designada pela prefeitura de uma cidade paranaense para cuidar da iluminação do município.


A operadora Sercomtel quer tocar a iluminação pública em Londrina. De acordo com uma determinação da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), a prefeitura tem até o final deste ano para assumir o serviço, terceirizá-lo ou delegar os trabalhos para a empresa de telefonia. O presidente da estatal, Christian Schneider, explicou que ficaria responsável pela iluminação a Sercomtel Participações, empresa coligada ao grupo da Sercomtel Telecom. 

“A infraestrutura necessária para a manutenção da iluminação pública é a mesma se comparada à já utilizada pela Sercomtel para dar conta das operações de telecomunicação”, argumentou em entrevista a rádio CBN (das Organizações Globo). 

De acordo com ele, a companhia já possui um call center para atender a população e uma central de operações com funcionários capacitados. “Vamos modernizar o setor de iluminação pública com os cabos de fibra ótica. A rede seria utilizada para compartilhar serviços e, consequentemente, economizar na manutenção dos mesmos”, ressaltou. 

A proposta da Sercomtel está sendo analisada pela Procuradoria Jurídica do Município. “O órgão precisa avaliar se o nosso projeto obedece todos os ritos legais e jurídicos”, afirmou Schneider. 

Atualmente, a prefeitura toma conta da iluminação de praças e prédios públicos. Já a iluminação é de responsabilidade da Companhia Paranaense de Energia Elétrica (Copel). A empresa cuida de quase 60 mil lâmpadas em ruas e avenidas de toda a cidade. O número de manutenções chega aos 2 mil por mês.

Redação Minha Operadorahttps://plus.google.com/112581444411250449571
Um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecomunicações do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários