Quarto envolvido em esquema que fraudou operadora é procurado pela polícia

A Polícia Civil divulgou nesta quarta-feira (16) as imagens do quarto integrante de uma quadrilha que desviou cerca de R$ 10 milhões da operadora Oi com um esquema fraudulento. A quadrilha foi desarticulada esta semana pelo Grupo Especializado de Repressão aos Crimes por meios Eletrônicos (GME).

Identificado somente como Alex, ele também seria funcionário de uma terceirizada e estaria lotado na unidade da Oi, em Sussuarana. Ele seria responsável por alterar os registros financeiros da empresa, usando alta tecnologia.

Os valores das faturas dos serviços oferecidos eram alterados para baixo. Uma conta de R$ 200 mil era reduzida para R$ 100, diz a polícia.

Para quem for da Bahia, o delegado Charles Antônio Leão, do GME, divulgou os números do Disque-Denúncia, (71) 3535-0000 e o telefone 3117-6109 para que quem tiver informações entre em contato. Não é preciso se identificar.

Foram presos Reginaldo Cavalcanti Ramos, 57 anos, Valmir Batista dos Santos, 44, e Marcelo Florentino de Oliveira, 36. Eles ofereceram a mais de 100 empresas, em todo o estado, links de internet com grandes velocidades e baixo custo, mediante pagamento de propina.

As empresas beneficiadas abriam pequenos provedores de internet e ofereciam para moradores próximos da sede. Os proprietários dessas empresas serão ouvidos e quem tiver participação confirmada no esquema podem responder por lavagem de dinheiro, estelionato, formação de quadrilha, interceptação de dados e evasão fiscal.

About Redação Minha Operadora
Um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecomunicações do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
1 Comentário
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários