Rompimento de cabo de fibra óptica deixa clientes da GVT sem internet

Um duplo rompimento de cabos de fibra ótica provocou a instabilidade da banda larga da GVT nos estados de Minas Gerais, Goiás , Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e no Distrito Federal ontem. Segundo a empresa, todos os serviços já foram normalizados.

De acordo com comunicado da operadora, assim que detectou instabilidade no serviço de internet banda larga na região, por volta das 8h35 desta sexta, “as equipes técnicas da GVT estiveram em campo empreendendo todos os esforços para normalizar a operação, que foi 100% restabelecida às 13h30 do mesmo dia”.
A GVT informou também que, durante o período de instabilidade, parte da rede que não foi afetada deu suporte a todo o sistema, com algumas restrições. A Anatel confirmou que recebeu queixas contra o serviço.
Outras teles também foram afetadas
Hoje pela manhã a assessoria de imprensa da Claro informou que uma falha de um equipamento de voz da operadora foi responsável por deixar os clientes da tecnologia 3G sem receber e efetuar ligações. O problema teve início na quinta-feira.
A assessoria de imprensa da Embratel informou que o departamento de engenharia da empresa não constatou nenhuma alteração no serviço disponibilizado e que opera normalmente.



About Redação Minha Operadora
Um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecomunicações do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários