Polícia apreende 4 mil aparelhos de ‘Gatonet’

A Polícia Militar (PM) encontrou ontem, numa casa da rua Alberto Costa, no bairro Cândido Portinari, 4 mil aparelhos piratas de operadoras de canais por assinatura. Os equipamentos do golpe conhecido como “Gatonet” foram avaliados em R$ 1,8 milhão.

Também foram encontrados 600 litros de bebidas alcoólicas falsificadas. A maioria dos decodificadores é da operadora Net, mas também havia aparelhos da Claro e da Vivo.

A polícia chegou ao local depois de uma denúncia anônima. “Encontramos muitas garrafas de bebida, um laboratório para fazer as falsificações e milhares de aparelhos de operadoras de canais fechados de televisão”, disse João Augusto Brandão, sargento da PM.

De acordo com o policial militar, os funcionários da Net que foram ao local resgatar os aparelhos disseram acreditar que os equipamentos foram desviados por prestadores de serviço da própria empresa. “É complicado indicar culpados agora, mas a operadora informou que muitos furtos acontecem quando os aparelhos estão em posse da área de instalação e manutenção”, afirmou Brandão.
Segundo o funcionário da Net que esteve no local, os falsários modificam o chip que bloqueia os canais. “Com esse desbloqueio, o usuário consegue assistir a todo conteúdo”, disse o funcionário.

Um pacote completo da operadora, com 175 canais, custa em torno de R$ 150 mensais. Já o equipamento, no mercado paralelo, já desbloqueado, custa entre R$ 300 e R$ 400.

O proprietário da casa no Cândido Portinari, um homem de 32 anos, foi levado ao 8º distrito policial, onde foi feito o flagrante sob as acusações de receptação.

Outro suspeito, de 28 anos, cunhado do proprietário da casa, foi apontado como o responsável pela bebida falsificada. Ele vai responder por crime contra o consumidor.

COMPARTILHAR EM:


About Redação Minha Operadora
Um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecomunicações do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários