Operadoras faturaram quase R$ 1 bilhão com o envio de SMS no terceiro trimestre



Apesar do custo elevado de alguns serviços, pesquisa da Acsion demonstra que o mercado de mensagens de texto tem muito espaço para crescer.

O envio de SMS garantiu receita de R$964 milhões às operadoras brasileiras no terceiro trimestre de 2011, segundo a 10ª Edição do MAVAM, da Acision, divulgada hoje. Um dos principais motivos identificados foi a oferta de pacotes mais agressivos de mensagens oferecidos pelas operadoras.
A pesquisa apresentou sugeriu aos entrevistados treze novos serviços denominados disponíveis para SMS e MMS, capazes de enriquecer a experiência de comunicação por mensagens. As respostas foram bem positivas. Entre os serviços pesquisados, foram mais relevantes os de aviso de recebimento (86%), SIM múltiplos (85%), lembretes (82%), uso de alias (82%), e busca de mensagens salvas na “nuvem” (80%).
Dentre as muitas opções, o público demonstra maior disposição em pagar por lembretes (44%), encaminhamento automático de mensagens SMS para uma conta de email (43%), o SIM Múltiplo (43%), os arquivos em “nuvens” (43%) e SMS pager (41%). Para esses cinco serviços listados, o valor médio está entre os R$ 3,4 e R$ 3,8. Os serviços de auto-encaminhamento e arquivamento em “nuvens” foram os que obtiveram os maiores valores (R$ 5 por mês), além de serem mais citados pelos usuários.
“As novas funcionalidades dos serviços de SMS trarão maiores oportunidades de receitas para as operadoras e relevância no serviço aos seus clientes”, avalia Vancrei Oliveira, vice presidente da Acision para a América Latina.
O SMS é ainda o serviço percebido como sendo o de maior confiabilidade por parte dos usuários corporativos, com 39% ddeles preferindo se comunicar através das mensagens curtas de texto. O Instant Messaging é preferido somente por 20% dos usuários corporativos. No entanto, havendo urgência na confirmação do recebimento, outros serviços de Mensagem Instantânea (IM) são preferidos.
O custo em situações como essas não foi considerado um fator relevante pelo usuário. Já entre os consumidores de um modo geral, a situação é um pouco diferente. Razão pela qual o uso de Mensagens Instantâneas subiu para 44% dos entrevistados, alcançando até 56% quando se consideram os novos dispositivos (sendo pelo menos 6 meses de uso).
O aplicativo de chat do Facebook tem sido mais utilizado (29% dos usuários de Mensagens Instantâneas), com o Twitter ocupando a segunda posição com 20%. No entanto, esse uso ainda é concentrado nos clientes que têm acesso a pacotes de dados, e, com maior frequência, junto àqueles que dispõem de smartphones.

A SKY tem o plano ideal para a sua TV! Aproveite já com 50% de desconto no primeiro mês. Ligue 0800 123 2040.

COMPARTILHAR EM:

About Redação Minha Operadora
Um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecomunicações do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários