Oi ganha quota de mercado no negócio móvel em Outubro

No final de Outubro a oi contava com 43,691 milhões de clientes, conseguindo uma quota de mercado de 18,9%. O número de novos subscritores foi de 849 mil, equivalente a 19,8% dos novos clientes do negócio móvel no país. 

Assim, a quota de mercado da Oi cresceu em 0,1 em Outubro face a Setembro (mês em que se situara nos 18,8%). Face ao período homologo a tendência foi de queda de 0,5 pontos percentuais em termos de subscritores e perdeu 1,1 pontos base das receitas captadas pelo mercado de telecomunicações móveis, saldando-se nos 18,3%. 
“O mercado de telecomunicações o Brasil atingiu 231,6 milhões de clientes em Outubro de 2011 , o que equivale a 118,6% da população”, constata a analista Alexandra Delgado do Millennium IB. “O crescimento no mercado móvel brasileiro continuar a acelerar todos os meses”, acrescentou. 

A Oi é a menor operadora móvel do Brasil mas conseguiu aumentar a quota de mercado nos últimos 12 meses, segundo os dados divulgados hoje. A quota de mercado da Vivo cresceu 0,1 pontos percentuais para 29,6%, ao captar 36,2% dos novos subscritores. 

Já a quota de mercado da Tim permaneceu inalterada nos 26,0% e a da Claro recuou 0,1 pontos percentuais para 25,2%. 

A Oi é a participada da Portugal Telecom para o mercado brasileiro e os analistas do Millennium IB têm um preço-alvo de 7,10 euros por acção para a operadora portuguesa. A recomendação é de comprar e reflecte o potencial de valorização dos títulos de 52,1%, face à avaliação dos analistas. 

Hoje, a Portugal Telecom desvaloriza 2,93% para 4,669 euros por acção. 

About Redação Minha Operadora
Um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecomunicações do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
0 0 voto
Nota para o redator
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários