13/04/2024

Oi Soluções lança consultoria para empresas sobre LGPD

Ideia da solução é orientar outras empresas sobre a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) para adequar as práticas com a legislação.

A Oi Soluções, braço do segmento corporativo da Oi, anunciou mais um produto direcionado para as empresas, uma solução de consultoria para a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) entre as companhias. A consultoria é formada por uma equipe multidisciplinar de áreas como privacidade e segurança, fornecendo mapeamento de dados e processos sensíveis, incluindo avaliação de riscos, recomendações e planos de ações.

A ideia da ferramenta é complementar o portfólio de segurança cibernética da Oi Soluções. Em comunicado, a empresa afirmou que “Para estar em conformidade com a lei, organizações de todos os setores e portes, incluindo entidades públicas, precisam avaliar de forma abrangente todos os processos que envolvam dados pessoais, repensando procedimentos e a própria governança“.

Com a ferramenta, a Oi poderá orientar outras empresas sobre a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), uma vez que a falta de conhecimento pode levar as companhias a não estarem adequadas com a legislação, o que poderá resultar na penalidade e multas que podem chegar até R$ 50 milhões, conforme diz a Oi.

No comunicado, a gerente de produtos de IT da Oi Soluções, Patricia Araujo, explica que as empresas podem associar a LGPD a outras medidas. “Muitas vezes as empresas associam a LGPD a algumas medidas como termo de consentimento, política de privacidade, cláusula padrão e banner de cookies no site. No entanto, a Lei envolve um programa de governança que inclui boas práticas, conscientização, avaliação e gestão de riscos, resposta a incidentes, monitoramento contínuo, garantia de direitos, responsabilização e prestação de contas“, explicou.

A confusão sobre o assunto pode ser bastante, já que se trata de uma lei recente, que entrou em vigor no Brasil em setembro de 2020, mas as empresas ainda tiveram até 21 de agosto de 2021 para se adequarem às novas regras. Ficaram sujeitas às novas normas, organizações de todos os setores e portes, assim como entidades públicas, precisam se adequar em processos que envolvam dados pessoais.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários