20/05/2022

Brasileiro gasta até R$ 268 com streamings de filmes e séries

Lançamentos de novos streamings e aumento nos preços dos que já existem estão pesando no bolso.

Uma pesquisa do jornal O Estado de São Paulo revelou que o brasileiro está gastando até R$ 268 com assinatura de streamings de filmes e séries. O motivo do alto preço é o reajuste dos preços e os lançamentos de novas plataformas.

Vivo descontos streamings
Foto: Reprodução Internet

Em 2019, o brasileiro gastava R$ 77,70 por mês para ter acesso aos três principais serviços disponíveis na época: Netflix, Prime Video (da Amazon) e Globoplay. Agora, em 2022, o gasto mensal para assinar esses mesmos serviços já chega a R$ 95,70, um aumento de 23,2%.

O aumento do preço dos streamings é considerado, mas, além disso, há os lançamentos dos novos como Disney+, HBO Max, Telecine, Apple TV+, Star+, Starzplay, Paramount+, que já possuem milhões de assinantes brasileiros.

A pesquisa revelou que para assinar todos esses serviços, é necessário desembolsar mensalmente até R$ 268. Vale ressaltar que o valor pode mudar de acordo com a assinatura de planos anuais ou programas de descontos oferecidos por empresas parceiras.

Nesta semana, após anos sendo o streaming com o preço mensal mais barato, o Prime Video, da Amazon, aumentou o valor da assinatura, que passará de R$ 9,90 para R$ 14,90 em 20 de maio. O plano mensal subirá para R$ 14,90 enquanto a anual irá de R$ 89 para R$ 119.

Já a Netflix, aumentou o preço da assinatura em julho do ano passado. O plano básico passou de R$ 21,90 por mês para R$ 25,90 e o plano padrão de R$ 32,90 para R$ 39,90. Já a assinatura premium mensal subiu R$ 10, passando de R$ 45,90 para R$ 55,90.

Vale lembrar, que quando a Netflix chegou ao Brasil, em 2011, a assinatura mensal custava R$ 14,90. Com a evolução do negócio, a empresa criou diferentes planos, que agora variam de R$ 25,90 a R$ 55,90.

O aumento nos preços das assinaturas não tem agradado os usuários. Após o último reajuste, a Netflix perdeu milhares de assinantes pela primeira vez, em 11 anos.

SourceEstadão
Carolina Veneroso
Carolina Veneroso
Jornalista, formada pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Atua como repórter, redatora e com produção de conteúdo há 5 anos. Apaixonada por entrevistar e conhecer pessoas e novas histórias.

1 COMENTÁRIO

Acompanhar esta matéria
Notificação de
1 Comentário
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários