Netflix tem aumento de 31% nas receitas

Gigante do streaming estima 165 milhões de assinantes até o fim de 2019.

Televisor com Netflix
Imagem: Thibault Penin (Unsplash)

Se muitos apostavam que a Netflix sofreria um grande impacto com o anúncio e chegada da concorrência, isso ainda não aconteceu. Os resultados trimestrais da empresa foram divulgados e um aumento de 31% foi registado nas receitas, que somam US$ 5,2 bilhões.

Por sinal, o lucro líquido é de US$ 665 milhões, 65% maior do que no ano anterior. De novo assinantes, a empresa teve 6,7 milhões de adesões. Um número alto, mas abaixo da previsão, que era de 7 milhões.


O último trimestre foi um período de grandes lançamentos na plataforma. A começar pela terceira temporada do fenômeno Stranger Things, que alcança gigantescos índices de repercussão e até ibope.

Nas primeiras quatro semanas, a nova temporada foi assistida por impressionantes 64 milhões de domicílios. Outros sucessos que estrearam nos últimos meses e impulsionaram a plataforma foram as estrangeiras La Casa de Papel, Dark e Elite.

VIU ISSO?
Netflix conquista menos assinantes que o esperado; Ações caem
Netflix avisa seus clientes sobre o aumento da mensalidade
Novo TIM Black Família inclui assinatura da Netflix

Entretanto, a companhia segue na queima de caixa. O fluxo negativo é de US$ 551 milhões. Para o último trimestre, a estimativa da marca é atingir 165,93 milhões de assinantes.

Será que o lançamento do Disney+ e Apple TV+ pode atrapalhar essa conquista? As grandes apostas são os filmes. Um deles, ‘O Irlandês’, é dirigido pelo aclamado Martin Scorsese e tem chances no Oscar.

Há uma previsão de receitas estimadas em US$ 5,4 bilhões, lucro líquido de US$ 232 milhões.

Para a gigante do streaming, a performance comercial não depende necessariamente de um ou outro título. São muitos conteúdos atrativos e um valor de US$ 10 bilhões investido na produção de novas séries e filmes.

Reed Hastings, CEO da empresa, disse que os rumores de que a companhia teme perder assinantes para a concorrência são infundados. Apesar dos bons títulos no catálogo, nenhum concorrente possui a variedade e diversidade da Netflix.

Com informações do Tele.Síntese

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, FAÇA LOGIN para comentar
  Acompanhar esta matéria  
Notificação de