InícioNotíciasTIM colabora em teste de smartphone 5G na Itália

TIM colabora em teste de smartphone 5G na Itália

Além da TIM, Qualcomm e Ericsson colaboraram com o teste.




A cidade de Turim foi a primeira na Itália a ter um
smartphone conectado a uma rede 5G. O projeto envolveu um protótipo de
smartphone equipado com o modem da Qualcomm.

O protótipo de smartphone utilizado no teste conta com o modem Snapdragon X50, aposta da Qualcomm para os fabricantes que querem implementar o 5G em seus aparelhos. De acordo com a companhia 18 fabricantes, dentre eles ASUSLGNokiaXiaomi e Sony, já confirmaram que irão utilizar este modem em seus smartphones.

Os testes de conexão foram realizados nos laboratórios da TIM em Turim, na rede 5G NR (New Radio), com tecnologia Ericsson, em conformidade com o padrão 3GPP versão 15, que usa a solução Massive MIMO. Uma parte da faixa de freqüência 3,4-3,8 GHz foi usada para realizar os testes de transmissão. A primeira antena 5G da TIM foi instalada em Turim no ano passado


VIU ISSO?

“Com esse marco adicional, conectando nosso primeiro
smartphone de teste 5G à nossa rede, a TIM confirma seu papel de liderança na
Itália e a determinação de criar uma rede móvel que possa suportar as evoluções
oferecidas pela rede móvel do futuro. Os experimentos realizados com nossos
parceiros em Turim – assim como em muitas outras cidades, como Bari, Matera e a
República de San Marino, onde já iniciamos a implementação de soluções Smart
City na perspectiva do próximo lançamento comercial – confirmam a liderança
tecnológica da TIM e seu compromisso com a inovação para oferecer aos clientes
serviços de ponta e a melhor experiência digital “, declarou 
Elisabetta Romano, Diretora de Tecnologia da TIM.


O lançamento de redes comerciais 5G acontecerá ao longo de 2019.

William Plazahttps://www.minhaoperadora.com.br
Levamos informação de qualidade sobre o setor de telefonia fixa, móvel, internet banda larga e televisão por assinatura para os milhões de brasileiros que a cada dia estão se conectando cada vez mais.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários