segunda-feira, 5 de novembro de 2018

É lei: tempo de espera no SAC deve ser de no máximo 1 minuto

Operadoras que não cumprirem a norma podem ser multadas em até R$ 3 milhões.

Se tem algo que irrita o consumidor é ficar horas esperando o atendimento telefônico das operadoras de celular. Muitos acabem desistindo da ligação ao ouvir aquela musiquinha infinita da espera. 

Outros tiram a manhã toda só para resolver a problema com a operadora porque já sabem que será demorado. 



No entanto, segundo o Ministério da Justiça, o prazo máximo que o consumidor pode esperar para falar com um atendente, nos Serviços de Atendimento ao Consumidor (SAC) por telefone, após digitar a opção de falar com um atendente, é de um minuto.

Às segundas-feiras, dias anteriores e posteriores a feriados e quinto dia útil do mês, no entanto, a espera poderá ser de até 1 minuto e meio.

A regra foi estabelecida pelo Governo Federal, pelo Decreto 6.523/08 e pela portaria 2.014/08 do Diário Oficial da União.

VIU ISSO?


Ela é válida para o atendimento dos serviços regulados pelo poder público federal, como energia elétrica, telecomunicações (telefonia fixa e móvel, tv a cabo), planos de saúde, aviação civil, empresas de ônibus, bancos e cartões de crédito fiscalizados pelo Banco Central.

No site do Reclame AQUI, mais de 2 mil reclamações foram registradas sobre o assunto, de janeiro de 2018 até o dia 31 de agosto.

Caso você se sinta lesado pela espera, abra uma reclamação no site do Reclame AQUI e se mesmo assim nada for resolvido, procure a Justiça. 

Lembrando que com o descumprimento dessa norma, a empresa pode ser multada entre R$ 200 e R$ 3 milhões.



13 comentários:

  1. Avisa pra vivo pq o tempo de espera mínimo quando ligamos pro sac é de 40 minutos!!! A oi pra mim é a melhor cumpri o tempo!!!

    ResponderExcluir
  2. Parece que realmente a vivo não sabe disso,pois quando ligamos pro sac da vivo ficamos de 30 a 40 minutos pra ser atendido,isso quando eles atende e a ligação fica muda ou cai.

    ResponderExcluir
  3. Não acredito na reportagem é muito menos nessa lei desafio o criador dessa lei ligar na Vivo *8486 ou 1058, se for pré pode esperar no mínimo 15 minutos controle 10 minutos se essa lei fosse realmente verdadeira a Vivo já tinha aberto falência, não acredito nisso.

    ResponderExcluir
  4. kkkk eu sou o bozo!! Anatel e Procon lixo! Kkkkk

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Por isso só entro em contato com a Vivo pela Facebook e Twitter

    ResponderExcluir
  7. E o tempo até ter a opçao de falar com a atendente não vai ser reduzido ? Queremos falar com a atendente, é tanta opçao sem fim.

    ResponderExcluir
  8. não acredito nisso, tive que ligar para a vivo, e infelizmente a minha espera foi de quase 2 horas... creio eu que por mais que a Oi não seja a melhor, ela é uma das únicas que anda cumprindo isso.

    ResponderExcluir
  9. Nenhuma operadora obedece isso, o atendimento da Vivo e da Tim quem o diga, uma piada, a Anatel e fantoche, você reclama no site, e passam pra operadora sem se quer acompanhar, vergonha.

    ResponderExcluir
  10. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é permitida a divulgação de conteúdos e produtos na área de comentários do site. Favor entrar em contato com comercial@minhaoperadora.com.br para obter informações sobre publicidade.

      Excluir
  11. Só hoje já é a terceira vez que tento falar com algum atendente da vivo,,ainda estou aguardando, por enquanto o tempo de espera está em 18 minutos,,eles acabam vencendo pelo cansaço.

    ResponderExcluir
  12. Estou em uma ligação da vivo esperando ser atendida, já fazem 32 minutos que escolhi falar com atendente e até agora nada. Serviço de pessima qualidade, a verdade é essa! Infelismente, assim que resolver meu problema vou ter que cancelar ou migrar para outra operadora, porque a falta de respeito com o cliente que a vivo tem e demais!

    ResponderExcluir

Ao deixar a sua opinião no Minha Operadora você concorda em respeitar o nosso Código de Conduta.