Agora qualquer pessoa pode migrar para o TIM Beta gratuitamente

Foram feitas alterações no valor das tarifas e criadas novas categorias de planos. Contamos para você o que mudou.


A TIM reformou completamente as regras do seu plano tão popular entre os jovens conectados, TIM Beta. Conforme adiantamos desde o mês passado, nesta quarta-feira (15) as tarifas do plano mudaram, a forma de fazer parte do plano mudou e os tipos de sub-planos também forma mexidos.

Para começar, uma novidade: A partir de agora qualquer cliente TIM pode migrar para o TIM beta sem pagar nenhuma taxa (antes a taxa cobrada para fazer a mudança de plano era de R$ 100). Ao pedir para migrar para o TIM Beta na central de atendimento da operadora (1056), o cliente é adicionado a nova categoria “BETA basic”. Nesta categoria, o usuário TIM beta paga R$ 0,75 por dia para fazer ligações ilimitadas para qualquer TIM do Brasil, acessar à internet e enviar torpedos ilimitados para qualquer operadora, por cada serviço utilizado. Ou seja: se um BETA basic resolver ligar para alguém, enviar uma mensagem e checar seus e-mails, por exemplo, vai ver R$ 2,25 indo embora da sua recarga em um só dia.

Porém, assim como “depois de todo sofrimento vem a conquista”, pagar caro pelos serviços no BETA basic pode render um benefício no final – participar de um jogo onde é possível acumular pontos de acordo com a utilização do seu celular TIM e interação nas redes sociais, para virar um “BETA Lab” – a melhor categoria do TIM beta. Nessa categoria o cliente paga R$ 0,30 por cada serviço que utilizar no celular (ligações, torpedos e internet). Isso quer dizer que se utilizar os três serviços no dia, o usuário desta categoria paga R$ 0,90 por dia.

O jogo para virar Beta Lab e ter acesso as tarifas mais baratas do TIM Beta que falamos chama-se “Blablablâmetro“. Funciona assim: ao migrar para o TIM beta, você tem três meses (o tempo que dura uma rodada) para acumular pontos utilizando com frequência o seu celular e também as redes sociais, que podem ser o Twitter, Facebook, Instagram e Swarm. Vale mandar mensagem, postar nas redes sociais usando a internet do TIM Beta… até quando lê as notícias publicadas no Minha Operadora você está ganhando pontos! No final da rodada será computada toda a pontuação alcançada e se atingir 4.000 pontos você vira Beta Lab e passa a pagar 30 centavos por serviço diário. Deu para entender? 

Existe ainda a categoria intermediária chamada simplesmente de “Beta”, feita para aqueles que foram convidados por algum amigo Beta Lab. Esses pagam R$ 0,50 para ligar, R$ 0,50 para acessar a internet e 50 centavos para enviar mensagens SMS. Portanto, utilizando os três serviços oferecidos, o cliente paga R$ 1,50 por dia.

Em todas as categorias a ligação para telefones fixos de mesmo DDD é cobrada em R$ 0,60 por chamada de duração ilimitada. Segundo o regulamento do plano, a internet móvel oferecida tem limite de utilização estabelecido em 10MB. Após atingir esse número, a velocidade de acesso pode ser reduzida para 50kbps.

Com as novas mudanças, vimos as tarifas do até então competitivo TIM Beta subirem consideravelmente. Quem pode passar a ganhar força e destaque com isso é o plano Oi Galera, lançado pela Oi para fazer frente justamente ao TIM Beta. Antes considerado fracassado por não oferecer tarifas tão baixas quanto o plano da TIM, o Oi Galera oferece 60 minutos de ligações para qualquer Oi do Brasil, envio de até 530 mensagens de texto, sendo até 30 para outras operadoras, 10 MB para acessar à internet, WiFi para utilizar em diversos pontos espalhados pelo país e serviço de música por R$ 0,99 por dia que usar. Apesar disso, ainda existe o diferencial no TIM Beta de a cobrança ser feita por cada serviço utilizado, e não pelo conjunto de serviços como é feita no Oi Galera.

E você, gostou das novidades do TIM beta? Se não gostou, acha que o Oi Galera pode roubar seu espaço? Só lembramos que a sua opinião é sempre bem-vinda!

                         Oi e TIM trocam farpas em novas campanhas comerciais

About Redação Minha Operadora
Um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecomunicações do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
41 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários