América Móvil avalia acordo entre KPN e Telefónica

A operadora mexicana de telefonia América Móvil ainda vai decidir se apoia a proposta da KPN de vender sua unidade alemã para a espanhola Telefónica, disse o presidente da America Móvil, Daniel Hajj.

A América Móvil detém 30% de participação na operadora de telecomunicações holandesa KPN.

A empresa mexicana, controlada pelo bilionário Carlos Slim, perdeu cerca de 2 bilhões de euros com seu investimento na KPN desde o ano passado e o acordo proposto reduziria sua exposição à Alemanha, maior mercado de telefonia móvel da Europa.

“Vamos avaliar os termos e as condições da operação… quando forem apresentados aos acionistas da KPN, nós vamos tomar uma decisão”, disse Hajj, genro de Slim, a analistas.
About Redação Minha Operadora
Um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecomunicações do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários