Vodafone Espanha despede mil trabalhadores

Na Espanha, a Vodafone (dirigida desde setembro pelo português António Coimbra) começou ontem as negociações com os sindicatos no âmbito do despedimento coletivo. Têm um mês para acertar os termos dos despedimentos, mas fontes sindicais citadas pela Europa Press referem que alcançar um acordo com a empresa será “muito complicado”. Os sindicatos mostram-se preocupados com a dimensão das dispensas, assim como com o fato da idade média dos colaboradores da Vodafone Espanha se situar nos 38 anos. Situação que torna “difícil” uma solução que passasse, por exemplo, por reformas antecipadas. Ao todo, cerca de 1000 funcionários devem deixar a empresa.
 

COMPARTILHAR EM:


About Redação Minha Operadora
Um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecomunicações do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários