InícioNotíciasTIM volta a ser alvo de reclamações de clientes

TIM volta a ser alvo de reclamações de clientes

Mais uma vez a operadora de telefonia móvel TIM volta a ser alvo de reclamações de consumidores alagoanos. Dessa vez o #Minha Operadora recebeu a denúncia de que planos estão sendo cancelados sem aviso prévio, causando transtornos para os usuários.

“Eu tinha um plano para falar 2 mil minutos por mês e de repente percebi que a minha conta estava vindo absurdamente mais cara. Foi quando percebi que a TIM tinha cancelado o meu plano e agora estão me dando apenas 200 minutos por mês”, afirma o empresário Luis Carlos.

Segundo o usuário da TIM, ele entrou em contato com a operadora e não obteve uma resposta satisfatória sobre a mudança de plano. “Eles disseram que avisaram através de veículos de comunicação que a promoção acabaria, mas acabariam as vendas do pacote e não disseram que haveria o cancelamento para quem já usava o plano”, reclama.

De acordo com o superintende geral da Superintendência de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon/AL), Rodrigo Cunha, a transferência de plano só pode ocorrer com a permissão do cliente. “É preciso analisar o caso, porém, mudar o plano sem avisar ao consumidor cabe processo. Migrar para outro plano sem a autorização do dono da linha não é permitido, não pode acontecer automaticamente”, explicou.

Rodrigo Cunha explica ainda que inclusive para cancelar a linha de consumidores inadimplentes é preciso de prazo. “A regulamentação para cancelar uma linha tem um período para que sejam suspensas as realizações de chamadas, depois mais um prazo para cancelar o recebimento e em seguida a Anatel avisa ao consumidor sobre o cancelamento da linha”.

Usuários da operadora TIM de Alagoas reclamam ainda da dificuldade em realizar chamadas por conta da constante falta de sinal.


Redação Minha Operadorahttps://plus.google.com/112581444411250449571
Um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecomunicações do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários