Após nova pane, TIM é novamente investigada pelo governo

O Procon de João Pessoa notificou a empresa de telefonia móvel TIM por má prestação de serviço aos consumidores. O órgão cobrou explicações sobre as panes em ligações registradas nas últimas semanas, culminando em uma falha generalizada na última segunda-feira (1º).
Nesta semana, o órgão recebeu reclamações de consumidores que foram prejudicados pelo serviço. Os clientes relataram que tiveram dificuldades para completar as chamadas, além de queda durante as ligações. Outro problema dito pelos consumidores foi em relação à utilização de pacote de dados, uma vez que não conseguem ter acesso à internet.
O coordenador do Procon de João Pessoa, Marcos André Araújo, explicou que a empresa tem cinco dias para prestar esclarecimentos ao órgão. “O combate à má prestação de serviço na telefonia é uma de nossas prioridades. Alguns consumidores hoje têm mais de uma linha justamente porque não confiam no serviço”, afirmou.
Os esclarecimentos prestados pela empresa serão analisados pela consultoria jurídica do órgão. Dependendo do que for apresentado, o Procon-JP pode autuar mais uma vez a empresa e aplicar multas como prevê o Código de Defesa do Consumidor (CDC), que variam de R$ 400 a R$ 6 milhões.

Em julho, a TIM foi autuada e multada em R$ 500 mil por propaganda enganosa de planos que prometiam ligações ilimitadas. A empresa recorreu da medida e o caso está sendo analisado na Procuradoria Geral do Município.

No UOL Play você encontra filmes, séries, desenhos, shows e esportes ao vivo. Além disso, alugue os títulos que acabaram de sair do cinema. Clique e experimente por 7 dias grátis!

About Redação Minha Operadora
Um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecomunicações do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários