Oi amplia rede de cabos submarinos


Subsidiária internacional da Oi, a GlobeNet, provedora de serviços de capacidade via cabos submarinos, anunciou que está ampliando sua rede submarina para a Colômbia, criando assim uma rota expressa que liga a costa atlântica da Colômbia e Miami, na Flórida (EUA).

Como uma extensão direta de seu sistema existente de cabos submarinos que ligam os Estados Unidos, Venezuela, Brasil e as ilhas Bermudas, essa nova rota expressa atende à crescente demanda por alta capacidade, além de fornecer a rota de menor latência da Colômbia para o Brasil.

Essa nova rota complementa a capacidade do serviço do duplo anel de fibra óptica da GlobeNet, já existente, para a Colômbia.

Além disso, a UNE EPM Telecomunicaciones, maior provedora de Internet e operadora líder em serviços de telecomunicações na Colômbia, assinou contrato com a GlobeNet para a utilização da nova rota submarina.

Essa extensão do sistema de cabos submarinos da GlobeNet é baseada na mais moderna rede de alta capacidade, com uma arquitetura que suporta a tecnologia DWDM com 10Gbps/40Gbps/100Gbps. A construção da nova versão da rede deverá ser concluída em 2013.

“A construção desse novo cabo submarino para a Colômbia evidencia que a rede da GlobeNet está avançando de forma inovadora”, afirma Pedro Ripper, diretor de Inovação e Novos Negócios da Oi.

“A companhia tem um forte foco na região da América Latina e está empenhada em apoiar o crescimento da Colômbia e o desenvolvimento de sua infraestrutura de Tecnologia da Informação e da Comunicação.

Além disso, a GlobeNet tem o prazer fechar o contrato com a UNE, a operadora de telecomunicações líder da Colômbia, que é pioneira em 4G/LTE e implementações de IPTV, em seu país. Com o contrato, a UNE irá beneficiar sua crescente base de clientes com a alta capacidade de seus serviços”, completa Ripper.

“Estamos satisfeitos por reforçar o nosso relacionamento com a GlobeNet, assim como contribuir positivamente para o desenvolvimento Colômbia”, afirma Marc Perret Eichmann, presidente da UNE EPM Telecomunicaciones.

“Esse novo sistema de cabo submarino permitirá a UNE oferecer um serviço de Internet de banda larga de altíssima velocidade, assim como o crescimento do 4G/LTE, resultando em importantes benefícios para nossos clientes, conclui Eichmann.

COMPARTILHAR EM:

About Redação Minha Operadora
Um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecomunicações do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários