[Especial 4G] Expectativas



A expectativa é que Claro e Vivo levem as licenças W e X. As operadoras TIM e Oi devem disputaar as V1 e V2, sendo que uma delas ficará de fora e poderá concorrer aos lotes regionais. Os contratos serão de 15 anos prorrogáveis para mais 15 anos.

“Senti falta da Nextel e da GVT no leilão, mas, no caso da primeira, ela ainda está correndo atrás para cumprir os prazos do leilão de 3G”, diz. A Sky e a Sunrise são operadoras de televisão por assinatura e devem concorrer pelas faixas regionais, analisa o advogado. “As áreas com maior mercado consumidor, como as capitais, o interior de São Paulo e o Rio de Janeiro devem ser as mais disputadas regionalmente”, fala Campos.

Ele avalia ainda que, para as grandes operadoras de telefonia estrangeiras, como a britânica Vodafone e a francesa Orange, não valeria a pena participar do certamo. A explicação é que o Brasil não é mais um país onde se possa começar do zero, pois possui elevado nível de concorrência interna com empresas bem estabelecidas. O ideal para essas multinacionais seria entrar no mercado via fusões e aquisições.

A expectativa da Anatel é arrecadar ao menos 3,85 bilhões de reais com a licitação – valor que corresponde à soma dos lotes caso todos sejam comprados pelo preço mínimo, sem disputa e ágio. Por ora, esse dinheiro ainda não tem destino conhecido.

Tanto Campos quanto Tude acreditam que as prestadoras vão conseguir cumprir o cronograma de implantação exigido pelo governo. A própria presidente da República, Dilma Rousseff, afirmou no ano passado, ao lançar o edital para o leilão das frequências, que já haveria 4G antes da Copa do Mundo. “Isso significa que brasileiros e quem vier para o Brasil acompanhar os jogos terão acesso à internet pelo celular em altíssima velocidade”, disse.

No UOL Play você encontra filmes, séries, desenhos, shows e esportes ao vivo. Além disso, alugue os títulos que acabaram de sair do cinema. Clique e experimente por 7 dias grátis!


COMPARTILHAR EM:

About Redação Minha Operadora
Um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecomunicações do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários