[4G] Sunrise compra só duas regiões de SP e Sky vem agressiva

“Cresceremos de outras formas”, diz presidente da Sunrise


A Anatel conseguiu vender 14 lotes dos 132 lotes que colocou à venda na tecnologia em TDD (Time Duplex Division) na faixa de 2,5 GHz. Os lotes foram comprados, em sua maioria, pela Sky (que já oferta banda larga nesta tecnologia em Brasilia). 

A Sunrise, que recentemente foi adquirida pelo mega investidor George Soros acabou arrematando apenas dois lotes, para complementar suas operações no estado de São Paulo. Mas segundo o seu presidente, Carlos André Albuquerque, a empresa, que tentou comprar a faixa da capital paulista, mas desistiu diante da insistência da Sky, pretende crescer no mercado brasileiro “de outras formas”, ou seja, adquirindo operações que ainda estão independentes. 

A Sunrise concentra a sua operação no interior do estado de São Paulo, e comprou no leilão as cidades de Campinas, Hortolândia, Indaiatuba, Jaguariuna, Louviera, Mogi Guaçu, Mogi-Mirim, Monte Mor, Pauliena, Pedreira, Porto Ferreira, Sumaré, Valinhos e Vinhedo. E a área com DDD 12, Aparecida, Caçapava, Guaratinguetá, Jacareí, Lorena, Potim Roseira e São José dos Campos. A empresa pagou um total de R$ 19,094 milhões.

A Sky levou, por sua vez, as áreas complementares de Porto Alegre, Curitiba, São Paulo, grande Salvador, entre outras. Num total de 12 áreas, ao preço de R$ 91 milhões. “Com essas aquisições, poderemos atender mais 300 cidades, além das 101 onde já estamos presentes”, afirmou o diretor de engenharia e banda larga, Luiz Otávio.

No UOL Play você encontra filmes, séries, desenhos, shows e esportes ao vivo. Além disso, alugue os títulos que acabaram de sair do cinema. Clique e experimente por 7 dias grátis!

About Redação Minha Operadora
Um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecomunicações do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários