06/04/2024

Emissora de Edir Macedo registra prejuízo milionário em 2022

De acordo com balanço financeiro, o Grupo Record terminou o ano passado com saldo negativo de R$ 547,9 milhões; saiba detalhes.

As empresas de mídia e entretenimento não tiveram um bom 2022. Assim como a Globo, o Grupo Record, emissora do empresário Edir Macedo, também fechou o ano passado com um resultado líquido negativo de R$ 547,9 milhões, sendo a primeira vez que apresenta um prejuízo dentro dos últimos três anos. Em 2021, o lucro foi de R$ 130,503 milhões e R$ 143,678 milhões em 2020.

De acordo com reportagem do “Na Telinha”, o prejuízo de mais de meio milhão de reais ocorre mesmo com aporte não especificado de R$ 3,1 bilhões, descrito no balanço financeiro como “Operações de intermediações financeiras”. Ou seja, a Record não diz qual a origem do aporte. Já os custos de produção apresentaram crescimento de R$ 554 milhões, atingindo o montante de R$ 2,2 bilhões em 2022.

O balanço financeiro do Grupo Record ainda indica um crescimento no patrocínio da emissora de 20% na comparação anual, saindo de R$ 6,4 bilhões em 2021 para R$ 7,7 bilhões ao fim de 2022. A reportagem destaca que os números negativos acontecem no mesmo período em que a emissora trocou toda sua diretoria comercial.

A empresa de mídia e entretenimento cortou despesas em 2022, como a compra de capítulos prontos ao entregar a produção das suas novelas bíblicas à Igreja Universal. No negócio, a emissora de Edir Macedo paga um valor fixo, se isentando das despesas variáveis de gravações. Não há detalhes sobre como se deu essa operação.

A Record também realizou cortes no quadro de funcionário ao longo do ano passado, desligando profissionais como Luiz Carlos Azenha, Thalita Oliveira, Roberta Piza, Fabíola Gadelha, Mariana Weickert, Rogério Gallo, além de ter se desfeito do seu banco de elenco de novelas.

Além disso, reformulou salários com os artistas contratados pelo emissora, como o caso do apresentador Rodrigo Faro, que teve seus honorários reduzidos de R$ 1,2 milhão para R$ 600 mil por mês.

Grupo Globo

Assim como já noticiamos aqui, a Rede Globo também não teve um ano de 2022 muito bom, pois apresentou prejuízo de R$ 41 milhões, de acordo com o colunista Guilherme Ravache, do UOL. Em 2021, o prejuízo havia sido de R$ 121 milhões. O conglomerado de mídia também vem realizando cortes de custos operacionais, na tentativa de converter o saldo negativo em 2023.

Até o momento, o SBT não divulgou seus números, mas segundo o “Na Telinha”, a emissora deve apresentar bons resultados, com um lucro líquido de aproximadamente R$ 25 milhões, sendo a única a fechar o ano de 2022 com resultado positivo.

1 COMENTÁRIO

Se inscrever
Notificar de
guest
1 Comentário
Mais antigo
Mais recente Mais Votados
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários