Claro explica como tem reduzido o número de reclamações

Reclamações em serviços da companhia têm caído entre 10% e 15% ao ano.






Reduzir o número de reclamações em seus serviços é um objetivo que a Claro, que completou 15 anos em setembro, vem perseguindo com afinco, e, de acordo com a Anatel, tem gerado um excelente resultado. O número de reclamações conta a companhia foi a menor nos últimos três meses nos canais de atendimento da agência reguladora. 

Das 46.585 queixas, o serviço que mais recebeu reclamações foi a telefonia móvel (21.171 queixas), seguido pela TV por assinatura (14.172 queixas), banda larga fixa (7.856 queixas) e telefonia fixa (2.846 queixas).


As reclamações em serviços da Claro vêm caindo entre 10% e 15% ao ano. 

Transparência e a tecnologia como aliada

Em entrevista ao Teletime, Celso Tonet, diretor de atendimento da Claro Brasil, diz que o grande objetivo é não ter reclamações, e que essa meta passa por todos os serviços. 

A estratégia para cumprir o objetivo passa, na visão do executivo, pela transparência que a Claro adota em seus produtos, e também por aspectos relacionados à tecnologia, na parte do atendimento, por exemplo. “Desenvolvemos soluções, via robô, para auxiliar os operadores de call center”, explica Tonet.
Telefonia móvel e banda larga são exemplos de serviços que o executivo pontua como cases de sucesso. 

VIU ISSO?


O executivo diz que na telefonia móvel havia muitas localidades com falha cobertura. “Identificamos os problemas e direcionamos os investimentos  para expansão de rede, ao longo dos últimos três anos”.
No início deste mês a Claro ultrapassou a TIM, ocupando o posto de líder no pré-pago.
Na banda larga fixa o desempenho é o que manda.  “Apostamos no desenvolvimento de novos produtos e na parceria com fornecedores para melhoria do equipamento final na porta do cliente”.

About William Plaza
Levamos informação de qualidade sobre o setor de telefonia fixa, móvel, internet banda larga e televisão por assinatura para os milhões de brasileiros que a cada dia estão se conectando cada vez mais.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
7 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários