TIM relança pacotes de dados 3G e 4G para M2M

Comunicação entre máquinas está cada vez mais sendo solicitado no mundo moderno e a operadora tenta acompanhar o mercado.

A TIM está lançando os seus planos de dados mais competitivos e atraentes para as empresas que utilizam a tecnologia de comunicação entre máquinas (M2M), como as concessionárias de serviços públicos, setor financeiro, automotivo, segurança, entre outros. Até então, a operadora só disponibilizava chips M2M na rede 2G, com capacidade de 20 MB.

De olho nesse segmento, a companhia também utilizará as tecnologias 3G e 4G, atendendo uma demanda de mercado mais específica para comunicações, que exigem mais banda e velocidade, como por exemplo, a transmissão de imagens em tempo real.
O recente anúncio do governo sobre a redução do Fistel para chips M2M promete impulsionar o negócio e aumentar a competição entre as operadoras. Apesar de ainda não haver regulamentação da Anatel para o segmento, houve uma redução significativa da taxa de instalação (TFI) para a habilitação dos chips, de R$ 26,83 para R$ 5,68 e da taxa de fiscalização de funcionamento (TFF), de R$ 8,94 para R$ 1,89.
“Entendemos a necessidade dos clientes e inovamos neste novo portfólio visando o crescimento de demandas específicas de M2M, tanto para os segmentos PME como Grandes Empresas”, afirma Fabio Cristilli, Diretor de Internet, VAS e Handsets da TIM Brasil.
Os novos planos TIM M2M têm capacidade de 20 MB, 50 MB, 100 MB e 2,5 GB por acesso, bloqueio opcional do consumo excedente, de voz e VAS. Além disso, também é possível assinar pacotes exclusivos de SMS de 50 acessos (R$ 6,90) até 10.000 acessos (R$ 699,90).

About Redação Minha Operadora
Um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecomunicações do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários